Griezmann foi eleito o melhor jogador da Eurocopa, tanto pela Uefa, quanto pelos nossos leitores. Pepe foi excepcional à frente da defesa de Portugal, Rui Patrício fez defesas importantes e Cristiano Ronaldo decidiu jogos chave. Sem falar em Bale, Ramsey, Payet e outros destaques do torneio. Mas uma atuação que pode ter passado despercebida foi a do croata Slaven Bilic, técnico do West Ham, como comentarista da emissora inglesa ITV.

LEIA MAIS: Ao som de David Bowie, BBC montou um belo clipe contando a história da Eurocopa

Bilic mandou muito bem nas suas duas semanas como comentarista, durante a fase de grupos, antes de voltar a executar tarefas mais importantes, como preparar o West Ham para a próxima Premier League. Fez análises precisas, foi espontâneo e até tirou sarro de Lottar Mathäus durante uma mesa redonda.

Durou pouco. Mas foi intenso.

Bilic sobe na mesa para comemorar gol de Payet contra a Albânia

A explicação é melhor ainda: “Eu fiz isso porque vocês estavam todos animados com a Albânia, que teve algumas chances. Então esperei meu momento. Mas não sabia que estavam gravando. É como o Big Brother aqui”.

Sobre os problemas da torcida croata com a federação

Torcedores croatas atiraram sinalizadores no gramado durante o jogo da seleção deles contra a República Tcheca, pela segunda rodada da Eurocopa. O jogo foi paralisado, e a Uefa multou a federação croata em € 100 mil. Bilic explicou: “Eles tem problemas com a Federação Croata. Eles vão em uma missão. Não é a última vez que isso vai acontecer. A Croácia joga pouco em Split, onde eu nasci. Acham que a FA dá importância demais para Zagreb”.

Comentário muito espontâneo sobre um gol perdido pela Romênia contra a França, na primeira rodada

Explicações não são necessárias.

Bilic explica como vencer a Espanha

E depois a Croácia foi lá e venceu a Espanha.

“Não faria meu time defender. Tem que misturar. Não pode também adiantar a marcação o tempo inteiro. Você pressiona, diminui. Mas tem que ficar perto deles o tempo inteiro. ”

Foi 3 a 0

Lottar Mathäus falava que enfrentou a Croácia na Copa do Mundo de 1998, e Bilic sentiu a necessidade de lembrar o placar do jogo.

TRIVELA FC: Conheça nosso programa de relacionamento e marque um golaço pelo jornalismo esportivo independente!