O Borussia Dortmund fez a sua parte no Signal Iduna Park ao derrotar o Werder Bremen e garantir o simbólico título do primeiro turno da Bundesliga. No entanto, a cena mais bela da noite não aconteceu enquanto a bola rolava. Pela primeira vez desde que deixou os aurinegros, Nuri Sahin disputou um jogo contra o antigo clube. Titular, atuou os 90 minutos pelos alviverdes. E, na saída de campo, teve o gosto de se reencontrar com a famosa Südtribüne. Antes de seguir aos vestiários, o turco saudou os antigos torcedores. Ficou com os olhos marejados e até puxou os gritos da Muralha Amarela. Não havia como não se emocionar diante daqueles que, durante 14 anos de sua vida, alimentaram os seus sonhos e que comemoraram suas conquistas – em especial o título alemão de 2011, no qual foi protagonista. Uma cena que só comprova como os ídolos são eternos.