Bétis e Atlético de Madrid, dois dos melhores times da Espanha, fizeram uma partida muito disputada no Benito Villmarín. Como era esperado pelo encaixe entre os dois estilos de jogo, não houve muitas oportunidades de gol. Na melhor, Jan Oblak realizou uma defesa monumental, logo nos primeiros minutos. Mas, com um gol de pênalti convertido por Sergio Canales, os donos da casa saíram com uma grande vitória por 1 a 0.

LEIA MAIS: Valencia abre 2 a 0 no Camp Nou, mas, com gols de Messi, Barcelona busca o empate

Com o empate do Barcelona contra o Valencia, no último sábado, o Atlético de Madrid entrou em campo com a oportunidade de diminuir a diferença para a liderança para apenas três pontos. No entanto, precisaria, primeiro, derrotar o forte Bétis, que ganhou do Barcelona no Camp Nou e complicou a vida do Real Madrid, embora tenha perdido.

Logo aos dois minutos, Joaquín cobrou escanteio, e Zouhair Feddal cabeceou com propósito. Alguns torcedores atrás do gol chegaram a comemorar e ficaram chocados quando Oblak alcançou a bola a espalmou para o lado. O primeiro tempo terminou com apenas uma finalização certa para cada lado.

 

O segundo tempo foi um pouco mais animado. O Atlético de Madrid atacou com mais frequência, mas a pontaria não estava em dia. No total, foram nove chutes para fora e uma bola na trave de Griezmann. Aos 10 minutos da etapa final, Morata foi derrubado dentro da área. O árbitro poderia ter marcado pênalti, mas, convicto, apontou para escanteio.

Pouco depois, apontou para a cal. Mas no outro lado do gramado. Toque de mão de Filipe Luis dentro da área. Sergio Canales cobrou cruzado e anotou o único gol da partida. O Atlético de Madrid ainda pressionou no fim, sem grandes ameaças para Paul López, autor de apenas uma defesa durante os 90 minutos. O Bétis subiu para sexto lugar, mas ainda pode ser ultrapassado pelo Alavés, que enfrenta o Real Madrid, no Bernabéu, ainda neste domingo.