O segundo turno da Bundesliga começou nesta sexta-feira com um jogo de peso à parte de cima da tabela. Schalke 04 e Borussia Mönchengladbach se enfrentaram na Veltins Arena, em duelo que poderia até mesmo recolocar os Potros na liderança. No entanto, os Azuis Reais aproveitaram melhor a oportunidade – para alegria do RB Leipzig. A equipe de David Wagner fez o seu dever de casa e venceu por 2 a 0. Destaque do time na campanha, Suat Serdar abriu o placar, embora o protagonista da noite tenha sido Michael Gregoritsch. Emprestado pelo Augsburg, o atacante estreou com gol e assistência.

No duelo entre duas equipes de estilo agressivo, era natural que o primeiro tempo fosse disputado já em grande intensidade. E o Gladbach logo testaria Markus Schubert, goleiro do Schalke na ocasião. A transferência de Alexander Nübel rumo ao Bayern de Munique, com contrato assinado para a próxima temporada, agitou os Azuis Reais nesta pausa de inverno. O promissor arqueiro, suspenso, foi poupado das vaias no reencontro com a torcida desta vez. O seu substituto, então, mostrou serviço ao espalmar um chute venenoso de Alassane Pléa aos cinco minutos. No entanto, logo os anfitriões passaram a atacar mais.

O Schalke avançava em velocidade e parecia mais propenso ao gol. Logo cedo, várias chances começaram a surgir para o time da casa. Yann Sommer fazia milagres na meta do Gladbach. O suíço realizou duas defesaças em sequência aos seis minutos, uma delas em bomba à queima-roupa de Benito Raman. Também pararia o camisa 9 no mano a mano, aos 28. Do outro lado, os Potros deram um pouco mais de sufoco antes do intervalo. Marcus Thuram cabeceou e Gregoritsch já começou a aparecer atrás, ao salvar a bola em cima da linha, quando Schubert já estava batido.

No início do segundo tempo, o Schalke voltou com tudo e garantiu a vitória. O primeiro gol saiu aos três minutos. Gregoritsch avançava pela esquerda e conectou com Serdar, totalmente livre na intermediária. O volante teve tranquilidade para conduzir a bola até a meia-lua e desferir um chute colocado, finalmente vencendo Sommer. Não demoraria para que o segundo saísse. Aos 13, em contra-ataque, Raman deu o presente e deixou Gregoritsch na cara do gol. Na saída do goleiro, o austríaco não teve trabalho para marcar.

A partir de então, o Schalke pôde administrar o resultado e conter a pressão do Gladbach. Os Potros partiram para cima e deram novo gás ao ataque com as alterações, sem sucesso. A equipe até criou algumas chances para finalizar, mas falhou na pontaria. A oportunidade mais perigosa, outra vez, nasceu com Thuram. O atacante soltou uma bomba de fora da área e Schubert voou para espalmar. Os Azuis Reais puderam celebrar em Gelsenkirchen.

E o resultado bagunçou um bocado a tabela da Bundesliga. O Schalke 04 assume a quarta colocação, com 33 pontos. São quatro rodadas sem perder, emparelhando-se ao Bayern de Munique. Já o Borussia Mönchengladbach permanece em segundo, com 35 pontos, e pode perder uma posição aos bávaros na sequência da rodada. Melhor ao líder RB Leipzig, que pode chegar aos 40 pontos se vencer o Union Berlim dentro da Red Bull Arena, neste sábado.

Classificações Sofascore Resultados