A Alemanha possui dois campeões na história da Fórmula 1: o maior de todos, Michael Schumacher, e o mais jovem, Sebastian Vettel. Entretanto, a paixão do país pela velocidade vai muito além de seus ídolos. Não à toa, o país abrigou equipes marcantes da modalidade. A Porsche, por exemplo, teve sua relevância nos primórdios da F1. Longe de ser a Mercedes, campeã por duas vezes com Juan Manuel Fangio e que recuperou a taça entre os pilotos no último ano, com Lewis Hamilton.

VEJA TAMBÉM: Renegado no Chelsea, De Bruyne virou um dos maiores armadores do mundo no Wolfsburg

Pois até mesmo no futebol esse gosto dos alemães pelos carros pode ser sentido. Uma das comemorações mais criativas da temporada aconteceu na segunda divisão da Bundesliga. Após marcar um golaço contra o Greuther Fürth, Jean Zimmer resolveu sentar no cockpit e segurar firme no volante imaginário. Celebrou o primeiro tento na vitória por 2 a 1 do Kaiserslautern, que sobe no grid e aparece na terceira colocação, na zona dos playoffs de acesso.

A explicação de Zimmer para a comemoração, porém, nada tem a ver com o retorno da temporada da Fórmula 1. Durante a semana, ele venceu um amigo em um fliperama de corrida, e resolveu tirar um pouco mais de sarro imitando um piloto de F1. Valeu para divertir toda a torcida dos alvirrubros.