O principal objetivo já está cumprido. CSA e Volta Redonda asseguraram o acesso à terceira divisão do Campeonato Brasileiro para 2017, assim como São Bento e Moto Club. Ainda assim, há uma taça em jogo na Série D. E o Trapichão contou com uma bonita festa no primeiro duelo decisivo entre alagoanos e fluminenses. Dono de uma das 20 maiores médias de público das divisões nacionais em 2016, o CSA colocou mais de 15 mil azulinos nas arquibancadas e contou com intenso apoio de seus torcedores. No entanto, as duas equipes não saíram do 0 a 0 e definirão o campeão no próximo sábado, em reencontro marcado para o Estádio da Cidadania, em Volta Redonda.

O CSA foi superior neste domingo, mas não conseguiu aproveitar as suas chances. Jônatas Obina carimbou o travessão durante o primeiro tempo, enquanto Marcelo Nicácio perdeu duas oportunidades claras na etapa complementar. Além disso, o goleiro Willis Mota também realizou defesas importantes. Já do outro lado, o destaque do Voltaço mais uma vez foi Dija Baiano, que incomodou demais os azulinos, mas saiu lesionado. A expectativa é a de que ao menos consiga voltar para o segundo jogo no Rio de Janeiro, depois de ter sido o melhor jogador dos mata-matas da Série D. Promessa de outra boa partida no Vale do Paraíba.