Na segunda passada, a disputa entre Oriente Petrolero, da Bolívia, e Universitario, do Peru, por uma vaga na segunda fase preliminar da Copa Libertadores da América, já dera o primeiro grande momento do torneio sul-americano, com a comemoração galhofeira e folgazã de Maxi Freitas, na comemoração do 2 a 0 verdolaga. Pois bem: nesta sexta-feira, coube ao time de Santa Cruz de la Sierra viver a primeira classificação heróica nesta edição da Libertadores. O Universitário fazia 3 a 0 e revertia a vantagem, mas um gol fortuito do Oriente deu a vaga à equipe, no final do jogo.

Jogando no Monumental de Lima, o Universitário começara pressionando muito, e fez 1 a 0 logo aos oito minutos do primeiro tempo, com Aldo Corzo, de cabeça. No segundo tempo, o Oriente Petrolero até começou buscando o empate que já lhe acalmaria – e quase o fez aos quatro minutos, com Ali Meza, que teve um tento anulado por impedimento. Porém, qualquer ousadia ofensiva da equipe boliviana foi atingida de morte aos 15 minutos: o meio-campista Paulo Rosales segurou Paulo de la Cruz, e levou o segundo cartão amarelo (quatro minutos após o primeiro), sendo expulso. Na falta consequente, Corzo marcou o segundo gol, de cabeça, igualando a vantagem do jogo de ida.

Mais cinco minutos, e o Universitario conseguiu o aparente gol da classificação: aos 20, Daniel Chávez recebeu cruzamento rasteiro na área e completou no canto direito, fazendo 3 a 0. Dramatizando ainda mais a situação do Oriente, Yasmani Duk, vindo do banco havia três minutos ao substituir Alan Mercado, também levou o vermelho aos 26, ao obstruir o goleiro Raúl Fernández. 11 contra 9. Daria?

Daria. Porque aos 40 minutos, numa falta, a bola foi mandada para a área, de muito longe. Fernández saiu do gol tentando evitar o perigo para o Universitario. Saiu pessimamente: socou o ar, e Jorge Paredes cabeceou. A bola foi devagar, rumo ao canto direito. E o Oriente Petrolero conseguia o gol que lhe rendeu a primeira lembrança heróica da Libertadores em 2018 – a ser lembrada até o jogo de ida da segunda fase preliminar, contra o Jorge Wilstermann, na próxima quinta.