O Leeds resolveu retirar a foto de Bin Laden que apareceu nas arquibancadas de Elland Road

Diversos clubes pela Europa adotaram a mesma ideia para “acolher” seus torcedores em tempos de portões fechados: colocaram cartazes com os rostos das pessoas nas arquibancadas. A medida se popularizou a partir do Borussia Mönchengladbach e se espalhou por outros cantos. O Leeds United também abraçou a iniciativa em Elland Road para as partidas da Championship. Mas eis que um engraçadinho resolveu pregar uma peça e mandou a foto de Osama bin Laden. O clube não percebeu, a imagem rodou o mundo e só depois de muita repercussão é que os Whites tiraram.

Bin Laden era fã do futebol inglês. O terrorista morou em Londres e torcia para o Arsenal. Segundo um de seus biógrafos, o saudita até mesmo frequentava Highbury durante os anos 1990. Acompanhava o time nos tempos de George Graham e foi um dos felizardos que presenciaram a conquista da Recopa Europeia em 1993/94, o último título continental dos Gunners. Teria até mesmo comprado uma camisa do clube a um de seus filhos. A paixão pelo esporte, porém, não impediu o assassino de planejar um atentado contra a seleção inglesa na Copa de 1998 – em ataque descoberto antes pelos serviços de inteligência.

No caso do Leeds, a aparição de Bin Laden não foi mais do que uma pegadinha aprontada por um torcedor ou, muito provavelmente, por um rival. Os funcionários de Elland Road não reconheceram a imagem do terrorista e, para piorar, a fotografia acabou colocada em uma das primeiras fileiras das arquibancadas. Depois de retirar Bin Laden do local, o Leeds emitiu uma nota afirmando que “assegurará que novas imagens ofensivas não aparecerão nas tribunas”.

O Leeds é um dos principais candidatos ao acesso à Premier League na próxima temporada. O time de Marcelo Bielsa ocupa a segunda colocação na Championship 2019/20, com uma vantagem de sete pontos na zona do acesso direto. Restam mais oito rodadas para a conclusão da campanha. Depois de cinco vitórias consecutivas, os Whites perderam para o Cardiff City no último domingo. E ainda viraram chacota por causa de Bin Laden.