As lágrimas de Bernardo foram repetidas inúmeras vezes em rede nacional e viralizaram na internet. Entretanto, três dias depois do lamentável episódio ocorrido com o menino gremista no Beira-Rio, ele pôde receber um pouco de carinho do Grêmio. O pequeno tricolor foi convidado de honra para conhecer o CT do clube, ao lado da mãe gremista, mas também do pai e do irmão colorados. Apesar da timidez, Bernardo se encontrou com seus ídolos e ganhou diversos presentes. A lembrança triste dificilmente será apagada, mas, neste momento, a solidariedade e o amor sobrepõem a agressão. Baita exemplo do Grêmio, também pelo discurso conciliatório de Renato Portaluppi, sem generalizar o que foi um ato isolado no Gre-Nal. As imagens trazem alento: