O golaço de Saúl Ñíguez salvou o Atlético de Madrid de uma derrota para o lanterna Espanyol

Em um jogo que todo mundo lamentou ao final, o empate por 1 a 1 entre Espanyol e Atlético de Madrid, ao menos uma coisa pode ser destacada: o golaço de Saúl Ñíguez, que ajudou os Colchoneros a empatarem o jogo. O desempenho foi medíocre, como se tornou habitual nesta temporada e não ajuda nenhum dos dois times. O Atlético pode perder posições, enquanto o Espanyol, lanterna, segue afundado.

O Espanyol foi quem saiu à frente no placar, em um gol contra de Stefan Savic, zagueiro do Atlético. Ele tentou cortar um cruzamento e acabou dividindo com o jogador do Espanyol, aos 24 minutos do primeiro tempo. Mas foi uma das poucas alegrias do Espanyol no jogo. Para não dizer que nada valeu, Raúl De Tomás, no centro do ataque, foi bem, o jogador mais perigoso dos catalães na partida.

No lado do Atlético de Madrid, as coisas só melhoraram no segundo tempo. Logo no primeiro minuto da etapa final, Saúl aproveitou um rebote para pegar de primeira, de pé esquerdo, e acertar um lindo chute de fora da área. Um golaço que estufou a rede do goleiro Diego López e igualou o placar: 1 a 1.

O Atlético também teve pouco o que comemorar. A volta de Diego Costa ao time, entrando no segundo tempo no lugar de Álvaro Morata, foi uma delas. A presença de Yannick Carrasco entre os titulares também. Mas em um time que tem rendido tão pouco e jogar bem tem sido raro, os destaques ficam mesmo no centro do meio-campo. Além de Saúl Ñíguez, Thomas Partey também fez uma boa partida.

Na classificação, como você vê abaixo, o Atlético ainda é o quarto, mas a sua posição está ameaçada. O Espanyol perdeu a chance de esquentar a briga contra o descenso.

Classificações Sofascore Resultados