O Everton se transformou no time para se parar e assistir neste começo de Premier League. Carlo Ancelotti dá sequência ao seu trabalho com uma equipe ofensiva e que incorporou de imediato os reforços, logo brilhando no novo clube. Os Toffees emendaram a terceira vitória consecutiva na competição, mesmo encarando uma partida que poderia se complicar. O Everton visitou o Selhurst Park e o igualmente embalado Crystal Palace forçou o empate no bom primeiro tempo. Porém, antes do intervalo, Richarlison anotou o gol da vitória por 2 a 1, que deixa os azuis na liderança do campeonato.

A intensa partida começou aberta, embora o Everton tenha dado um passo à frente com o primeiro gol aos dez minutos. A partir de uma linda enfiada de James Rodríguez, Seamus Coleman tocou rasteiro e Dominic Calvert-Lewin completou dentro da área. Os Toffees tinham a iniciativa e pressionavam no ataque, mas o Crystal Palace se defendia bem e acabaria premiado com o empate aos 26. A partir de uma cobrança de escanteio de Andros Townsend, Cheikhou Kouyaté completou de cabeça.

Com mais recursos, o Everton não demoraria a anotar o gol da vitória, aos 40. Os visitantes tiveram duas reclamações de pênalti, mas apenas a segunda foi confirmada pelo VAR, em cabeçada de Lucas Digne que pegou no braço de Joel Ward. Richarlison assumiu a cobrança e converteu. O segundo tempo seria mais calmo, com Calvert-Lewin protagonizando as melhores tentativas do terceiro. O Crystal Palace limitaria seus ataques às bolas paradas, mas nada que tenha incomodado Jordan Pickford.

Na liderança, o Everton atravessa seu melhor início na Premier League desde 1993, sem emendar três vitórias nas três primeiras rodadas desde então. Leicester, Arsenal e Liverpool são os outros que poderão igualar a pontuação nesta rodada. Já o Crystal Palace perde os 100% de aproveitamento, mas permanece em ótima situação, somando seis pontos e ocupando a quinta colocação.

Crystal Palace x Everton (Fonte: WhoScored)

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore