A proximidade entre Groningen e Heerenveen alimentou a rivalidade entre os dois clubes a partir da década de 1990. Os confrontos se tornaram costumeiros na primeira divisão do Campeonato Holandês, permitindo que o duelo ganhasse até mesmo a alcunha de “Dérbi do Norte”. Neste final de semana, o embate aconteceu mais uma vez no Estádio Euroborg, casa dos alviverdes. E os anfitriões aproveitaram a ocasião para fazer um engenhoso mosaico durante a entrada das equipes em campo.

Em um dos setores das arquibancadas, bandeiras verdes e brancas tremulavam, enquanto surgiu o bandeirão de um trem em movimento. O veículo circulou o anel superior e passou por uma estação. A boa ideia não deixa de ser uma piada com Friesland, região onde fica a cidade de Heerenveen. Segundo os moradores de Groningen, a coisa mais interessante por lá é o “trem saindo em direção à nossa cidade”. Já dentro de campo, os alviverdes trataram de fazer as honras da casa. Venceram o clássico por 2 a 0, gols de Django Warmerdam e Ritsu Doan. O resultado valeu para tirar os anfitriões da última colocação na Eredivisie, diante do péssimo início de temporada.

 


Os comentários estão desativados.