Não precisava haver emoção. Mas houve. O Lille não jogava por mais nada nesta Champions League e poupou metade do time. Foi dominado no primeiro tempo, e o Chelsea abriu 2 a 0 sem dificuldades. No entanto, os franceses descontaram depois do intervalo. Com a vitória do Valencia sobre o Ajax, ficaram a um gol de eliminar os ingleses, que conseguiram manter a vitória por 2 a 1, apesar do susto desnecessário, e se classificaram às oitavas de final.

O jogo era essencialmente um amistoso para o Lille, e foi assim que o treinador Christophe Galtier o tratou a partir da escalação. Repetiu apenas quatro jogadores titulares do seu último jogo pelo Campeonato Francês, contra o Brest. E o Chelsea ficou muito confortável para dominar a posse de bola, atuar inteiro no campo de ataque e criar chances em sequência até conseguir abrir o placar.

A primeira saiu em um pivô de Abraham para Pulisic, que entrou na área e bateu rasteiro, com perigo. Houve, porém, um toque de mão do centroavante que anularia a jogada em caso de gol. Logo na sequência, o goleiro Mike Maignan fez uma linda defesa em chute de Emerson. Kanté também teve uma chance que mandou para fora.

Aos 18 minutos, o Chelsea construiu o primeiro gol em uma boa jogada coletiva. Kanté deixou de peito para Pulisic, que abriu na direita com Willian. O ponta direita brasileiro fez ótima jogada de linha de fundo e cruzou rasteiro para Abraham, dentro da pequena área, apenas empurrar. Aos 35, Emerson cobrou escanteio, e Azpilicueta apareceu na primeira trave para desviar e ampliar a vantagem inglesa.

O Chelsea voltou bem do intervalo e criou duas chances em sequência. Maignan precisou fazer uma defesa dupla e depois caiu no canto para barrar a cobrança de falta de Willian. A partida que parecia controlada ameaçou sair das mãos do time de Frank Lampard, quando Loic Rémy completou a boa jogada de Jonathan Bamba pela esquerda e descontou para o Lille.

Naquele cenário, um gol dos franceses bastava para eliminar o Chelsea, e Rémy até teve a chance, mas bateu em cima de Kepa. No outro lado, Batshuayi desperdiçou a oportunidade de matar o jogo, ao virar e mandar direto por cima do travessão.

O Chelsea acabou conseguindo passar, mas este foi o sexto jogo seguido em que o seu goleiro foi vazado, sintoma da oscilação que ainda afeta o jovem time de Lampard. Mas, classificado às oitavas de final, terá tempo e o mercado de transferências de janeiro para fazer os seus ajustes.

.

.

Classificações Sofascore Resultados

.