O Atlético de Madrid fazia uma campanha inconsistente no Campeonato Espanhol e via sua classificação à próxima Liga dos Campeões se tornar uma preocupação. A paralisação do torneio, entretanto, fez bem aos colchoneros. O time de Diego Simeone não exibe sempre um futebol tão convincente, mas recuperou a eficiência de outros tempos e evita tropeços contra concorrentes abaixo na tabela. Nesta terça-feira, o Atleti emendou o terceiro triunfo consecutivo por La Liga. Os rojiblancos bateram o Levante por 1 a 0, no Estádio Camilo Cano.

A recuperação de jogadores com problemas físicos se tornou primordial a Simeone e o treinador consegue rodar seu elenco dentro da atual maratona. Desta vez, apostou novamente em Marcos Llorente no ataque, acompanhando Diego Costa. E não demorou para que os colchoneros abrissem o placar. O gol saiu aos 15 minutos, a partir de uma cobrança de falta que Thomas Partey mandou na barreira. A sobra ficou com Santiago Arias, que enfiou a Llorente na área. O espanhol deu um belo giro na marcação e centrou para Diego Costa. No meio da confusão, o zagueiro Bruno González mandou para dentro.

Ainda superior durante a sequência do primeiro tempo, o Atlético poderia ter ampliado. O goleiro Aitor Fernández realizou duas grandes defesas, enquanto Diego Costa cabeceou para fora em ótimas condições. E o time de Simeone mostra novamente que sabe trabalhar com placares apertados, preservando sua vantagem durante a etapa complementar. O Levante atacou mais nos 45 minutos finais, mas os colchoneros seguiam criando chances claras, com João Félix e Ángel Correa saindo do banco para dar velocidade aos contra-ataques. Aitor continuou como grande figura dos anfitriões. Já na maior oportunidade de empate dos granotas, Borja Mayoral errou uma cabeçada na linha da pequena área.

O Atlético de Madrid assume a terceira colocação com o resultado, ultrapassando o Sevilla. Ambos têm 31 partidas, com os colchoneros somando dois pontos a mais, 55 a 53. Além disso, a concorrência fica pelo caminho. Ainda sem vencer neste recomeço, o Getafe empatou com o Valladolid por 1 a 1 nesta terça e soma 49 pontos. É o quinto colocado, mas a uma distância razoável de seis pontos dos colchoneros. Neste momento, o único dos potenciais candidatos ao G-4 que está embalado é o Villarreal, que chegou aos 48 pontos nesta segunda. O cenário também favorece Simeone.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore