O 9 é o 7: Villa volta a marcar a Barcelona vira contra o Sevilla

Deslocado para o meio no segundo tempo, atacante marcou de cabeça um gol típico de centroavante e ajudou o time a virar para 2 a 1

Um dos grandes problemas do Barcelona contra o Milan foi a falta de penetração do time na defesa adversária. Neste sábado, os blaugranas enfrentaram o Sevilla e tiveram o mesmo problema, mas desta vez DDavid Villa e Lionel Messi salvaram o time com dois gols que viraram um jogo duro.

O primeiro tempo parecia uma repetição do jogo de quarta-feira. O Barcelona rodava a bola nas imediações da área, sem conseguir entrar e criando poucas chances de gol. A posse de bola maior que o adversário era inútil. E, pior, ainda viu o adversário marcar, em uma cabeçada de Botía dentro da área, aos 41 minutos do primeiro tempo. Os problemas se repetiam: falta de penetração e fragilidade na bola área defensiva.

No segundo tempo, o time teve uma alteração. Saiu Alexis Sánchez, sumido no jogo, e entrou Cristian Tello. O time melhorou. O técnico Jordi Roura mudou o posicionamento de David Villa, que saiu da ponta para atuar pelo meio, à frente de Messi. E em um cruzamento preciso de Daniel Alves, o atacante apareceu no meio da defesa, enquanto Botía só marcou a bola, e tocou de cabeça para as redes: 1 a 1, aos seis minutos. Foi o 12º gol de David Villa na temporada, em 25 jogos disputados, sendo 14 como titular.

Não demorou muito e Lionel Messi, que não tinha marcado na quarta, balançou as redes. Aos 14, Messi aproveitou um lance trabalhado pela esquerda e, pelo meio, chegou batendo no canto: 2 a 1 para o Barcelona. Foi o 15º jogo consecutivo do Campeonato Espanhol que Lionel Messi marca ao menos um gol. Foi o 38º gol do atacante na liga, artilheiro isolado. O segundo é Cristiano Ronaldo, que tem 24 gols.

Apesar dos defeitos e dos problemas que novamente apareceram, o Barcelona conseguiu vencer e ampliar ainda mais a vantagem na tabela. São 68 pontos, contra 53 do segundo colocado, Atlético de Madrid, que joga só neste domingo, contra o Espanyol, em casa.