O Tottenham não fez qualquer contratação na janela de verão, como dizem na Europa, de julho e agosto. Foi o primeiro clube a fazer isso na Premier League desde que o atual sistema de janela de transferências foi adotado, em 2003. A construção do estádio tem, claro, custado dinheiro ao clube, mas o presidente Daniel Levy afirmou que isso não impede que o clube contrate ou mude a sua política de transferências.

LEIA TAMBÉM: Inspirada por Kane, a Inglaterra foi letal e conquistou uma vitória maiúscula sobre a Espanha

Segundo o dirigente, o Tottenham tem um certo montante de dinheiro destinado a transferências. O novo estádio, que terá 62.062 lugares, tem custo estimado em 850 milhões de libras (€ 967,8 milhões) e será usado também para jogos da NFL. Atualmente os jogos da NFL são realizados em Wembley, que pode ser vendido ao dono do Jacksonville Jaguars, Shahid Khan, que é também dono do Fulham.

Apesar de não ter contratado ninguém, o Tottenham tentou. Fez uma proposta de 25 milhões de libras por Jack Grealish, do Aston Villa, mas não conseguiram chegar a um acordo. A melhor contratação do time acabou sendo a renovação de contrato de Harry Kane, o grande jogador do time, que assinou por cinco temporadas. Foram renovados também os contratos de Son Heung-Min, Erik Lamela, Davinson Sánchez e Harry Winks. O Tottenham manteve o elenco que foi bem na temporada anterior.

Levy afirmou em uma reunião de diretoria com o Tottenham Hotspur Supporters’ Trust que “o clube baseou a janela de verão em certas suposições de que alguns jogadores poderiam sair e certos alvos estariam disponíveis”. Ainda segundo Levy, Pochettino “não queria contratar alguém só por contratar. Ele sentiu que havia jogadores suficientes no elenco e aqueles voltando de lesão seriam como novas contratações”.

O dirigente ainda afirmou que “o estádio não iria impactar diretamente na política de transferências. Há um certo montante de dinheiro para transferências e o clube pode apenas gastar o que está disponível”. Explicou ainda que “transferências foram complicadas com muitas variáveis, então não foi possível calcular com antecedência o quanto você poderia gastar em determinada janela”.

Até aqui, o Tottenham tem 18 pontos em oito jogos na Premier League, a melhor campanha do time, junto com a da temporada passada. O time é quinto colocado na tabela, dois pontos atrás de Manchester City, Chelsea e Liverpool, todos com 20 pontos, e empatado com o quarto colocado, Arsenal, com os mesmos 18 pontos.


Os comentários estão desativados.