Óscar Tabárez aproveita os compromissos do Uruguai para injetar sangue novo na equipe. E uma das boas notícias à Celeste é a ascensão de Brian Rodríguez. O ponta de 19 anos pode jogar em diferentes posições no ataque e adiciona características distintas ao elenco. Revelado pelo Peñarol, transferiu-se recentemente ao Los Angeles FC e, enquanto se firma na Major League Soccer, ganhou a primeira convocação à seleção principal. Já deixou uma boa impressão nesta terça, durante o empate por 1 a 1 contra os Estados Unidos. O garoto foi responsável por um lindo gol, seu primeiro pela equipe adulta.

Rodríguez começou como titular na ponta direita, em escalação que contou com alguns novos nomes e outros velhos conhecidos – mas sem Edinson Cavani e Luis Suárez. Federico Valverde teve boa participação no gol, ao puxar o contra-ataque e avançar com liberdade. Abriu com o garoto na esquerda e ele definiu muito bem a jogada. Rodríguez deu uma finta que entortou o marcador e chutou forte, para vencer o goleiro Brad Guzan. O Uruguai, todavia, cederia o empate no fim. Num lance de sorte, a bola sobrou para Jordan Morris quase em cima da linha e o americano só cumprimentou de cabeça.

Apesar da carreira curta, Rodríguez causou impacto quando surgiu com o Peñarol e também apareceu bem na seleção sub-20, com boas atuações no Mundial da categoria. Este começo na Celeste principal é um indicativo que deve aparecer mais. Além disso, chega em um bom ambiente na MLS. O Los Angeles FC é o líder absoluto na Conferencia Oeste e se torna o principal candidato ao título nos playoffs. O garoto ainda costuma sair do banco, mas possui talento para decidir, se necessário. Os americanos viram bem sua qualidade.