O grupo mais equilibrado da Champions League, de fato, rende uma parelha disputa pela classificação. E, a uma rodada do fim, o Zenit arrancou uma vitória essencial no duelo contra o Lyon, em São Petersburgo. Os celestes precisavam construir o resultado no confronto direto, três pontos atrás dos visitantes. Conseguiram um importante triunfo por 2 a 0, que valeu não apenas o salto na tabela, como também a vantagem nos critérios de desempate. Os russos passam a depender apenas de si em busca da classificação.

Embora o jogo tenha começado equilibrado, com lances de perigo para ambos os lados, o Zenit temeu por uma lambança que quase rendeu um gol contra. Logo depois, o time da casa começou a se impor e tomou o controle do jogo nos minutos anteriores do intervalo. Sardar Azmoun chegou a carimbar a trave, antes que Artem Dzyuba abrisse o placar aos 41. Após uma cobrança de escanteio, o centroavante subiu mais que a marcação e cabeceou no cantinho do goleiro Anthony Lopes, que não conseguiu salvar.

O Lyon voltou ao segundo tempo mais agressivo e criou um bom número de finalizações, sem conseguir passar pelo goleiro Mikhail Kerzhakov. No entanto, a pressão arrefeceu e o Zenit conseguiu retomar as rédeas da partida, antes de confirmar o resultado aos 39. Azmoun ajeitou a bola na entrada da área e Magomed Ozdoev pegou de primeira. A batida desviou na marcação, tirando o goleiro da jogada. No fim, os franceses esboçaram os últimos esforços, que pouco renderam. O triunfo era mesmo do clube de São Petersburgo.

Zenit e Lyon somam sete pontos no Grupo G da Champions, com vantagem aos celestes no confronto direto. Agora, ambos aguardam o resultado do confronto entre RB Leipzig e Benfica, que pode render as primeiras definições da chave. Na última rodada, o Zenit visita os portugueses, enquanto o Lyon recebe os alemães.

Classificações Sofascore Resultados