Antes da visita ao Newcastle neste sábado (30), Pep Guardiola disse em entrevista que, com a distância de oito pontos para o líder Liverpool, o Manchester City não poderia mais perder jogos na Premier League se quisesse buscar o tricampeonato nacional. Bom, o objetivo de invencibilidade segue vivo após o duelo contra o time de Steve Bruce, mas o empate em 2 a 2 deve ter sido quase tão frustrante ao catalão quanto seria a derrota.

A boa jogada entre David Silva e Raheem Sterling, que resultou no gol do inglês aos 22 minutos da primeira etapa, parecia um indício de que o City faria o seu favoritismo valer. Descendo em velocidade e com passes precisos, a dupla tabelou, bagunçou a defesa do Newcastle, e Sterling fez 1 a 0.

Porém, a resposta do Newcastle foi rápida – e também nasceu de uma combinação eficaz em uma das pontas. O lateral holandês Jetro Willems tabelou com Miguel Almirón e, aos 25 minutos, apareceu dentro da área para bater cruzado e vencer Ederson.

No segundo tempo, o City voltaria a tomar a frente no placar, mas já perto do fim. Aos 37 da etapa final, Mendy apareceu em profundidade para o cruzamento. Com a bola afastada pelo alto pela defesa do Newcastle, De Bruyne pegou o rebote de fora da área, dominou no peito e acertou um lindo chute, fazendo a bola bater no travessão e no chão antes de tocar a rede superior. Um momento de mágica que mais uma vez indicava vitória dos Cityzens. Os atuais bicampeões só não contavam com a finalização inspirada de Jonjo Shelvey.

Aos 43 minutos do segundo tempo, após cobrança de falta rolada para a intermediária, Shelvey acertou um chute colocado preciso, com curva, tirando do alcance de Ederson – golaço para os Toons.

O City ainda tentou buscar a vitória, mas esbarrou em um lance simbólico que reforça a impressão de que chegou a vez do Liverpool na Premier League. Aos 47 do segundo tempo, De Bruyne passou brilhantemente, pelo alto, para Sterling. Dentro da pequena área, em situação em que está bastante habituado a marcar, o inglês, no entanto, parou em grande defesa de Dúbravka.

Classificações Sofascore Resultados

O empate em 2 a 2, ainda que estejamos falando só da 14ª rodada, reitera a sensação de que apenas o Liverpool pode impedir seu próprio título. Tão cedo na temporada, os Reds já podem abrir 11 pontos para o seu grande concorrente à taça. Enquanto o time de Merseyside só deixou dois pontos escaparem até agora, os Cityzens já chegaram a 13 desperdiçados de 42 disputados. Ao Newcastle, o resultado heroico é um impulso bem-vindo em uma temporada de provável briga contra o rebaixamento.