O Museu do Futebol está fechado, como quase tudo que não é um serviço essencial. Isso não quer dizer que não haja nada sendo feito por lá. Neste sábado, os perfis do Museu no Facebook e Youtube irão exibir o filme “Mestre Dicá”, sobre o ídolo da Ponte Preta. O documentário é produzido pelos jornalistas André Pécora e Stephan Campineiro. O filme será exibido às 21h por streaming no Facebook e Youtube do Museu.

Oscar Sales Bueno Filho, o Dicá, esteve na Ponte Preta em um período que o clube teve anos importantes, entre 1966 e 1971. Ele se tornou o maior artilheiro do clube com 154 gols, um recorde que se mantém até os dias atuais. Paulinho, o segundo colocado, tem 140 gols, Chicão, com 106 gols vem em terceiro e Osvaldo é o quarto com 89 gols.

Dicá ganhou o apelido de Mestre e foi para o Santos em 1971, mas a sua passagem pela Vila Belmiro não teve sucesso. Voltou à Ponte em 1972, mas logo seria vendido à Portuguesa, em 1972. Lá trabalhou com Cilinho, o técnico que o lançou na Ponte, e conquistou o título Paulista de 1973, aquele famoso que foi dividido com o Santos. Ficou lá até 1976, quando retornou à Ponte Preta.

No seu retorno à Ponte, fez parte de um dos maiores times da história do clube, que acabou com o vice-campeonato paulista em 1977, 1979 e 1981. Ficou no clube até 1986, quando encerrou a carreira. Veja o trailer do filme e saiba mais sobre o projeto Cinema em Rede abaixo.

Cinema na Rede é realizado em parceria com o CineFoot (Festival de Cinema de Futebol) e apoio da Federação Paulista de Futebol e da Ponte Preta na exibição. O programa faz parte da campanha #CulturaEmCasa, da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, a quem pertence o Museu do Futebol.

“Mestre Dicá” será exibido no YouTube do Museu do Futebol, além do Facebook do Museu e dos parceiros – para assisti-lo é só anotar na agenda e se conectar na hora marcada:

No Youtube: https://www.youtube.com/user/museudofutebolspaulo/

No Facebook:

https://pt-br.facebook.com/museudofutebol/
https://www.facebook.com/futebolpaulista/
https://www.facebook.com/PontePretaOficial/

Sobre o filme – O documentário tem uma hora e dez minutos de duração para contar a história de Dicá, desde a infância no bairro operário do Santa Odila, em Campinas, seu início na Ponte Preta, as passagens pelo Santos e pela Portuguesa, até o retorno para a consagração no time do coração.

“Mestre Dicá” começou a ser produzido em outubro de 2010, inicialmente com a proposta de um livro. Com o passar do tempo, os autores decidiram pela produção conjunta do documentário, que reúne imagens históricas do acervo da EPTV Campinas, desde a fundação da emissora, no final da década de 70. O projeto foi concebido a partir de uma minuciosa pesquisa de toda a vida e carreira de Dicá. Para isso, os autores entrevistaram 76 personagens diferentes, de amigos de infância a grandes ídolos do futebol brasileiro, como Pelé, Rivellino, Zico e o capita Carlos Alberto Torres, morto no final de outubro.

#culturaemcasa – A Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, a que pertence o Museu do Futebol, lançou a campanha #culturaemcasa para que todos os seus equipamentos culturais disponibilizem atividades online no período que durar a pandemia. Museus, bibliotecas, teatros e centros culturais estão temporariamente fechados como parte do enfrentamento à doença.