Mundo

[Galeria] Os craques da Nike têm chuteiras novas para a reta final da temporada

Se na semana passada a Nike inovou ao lançar uma chuteira que mudava de cor de acordo com a temperatura do pé dos atletas, desta vez ela preferiu se ater a funcionalidades mais úteis em um outro lançamento. A Hypervenom II deverá ser pelos próximos meses o carro-chefe da empresa, que levou alguns de seus principais craques para o ensaio de divulgação do novo calçado. Assim como novas versões de simuladores virtuais de futebol, a diferença entre modelo atual e anterior não é lá tão grande, mas eles garantem que a chuteira nova dá mais agilidade para os jogadores.

VEJA TAMBÉM: Roteiro do fim de semana: Klopp se despede da Muralha Amarela

Sendo verdade ou não, o modelo é bastante bonito. Em seu site, a Nike explica como chegou ao desenho e como ele se relaciona à maior agilidade proporcionada pela Hypervenom II. “Começamos de maneira simples: integrantes da nossa equipe vestiram meias brancas, e nós as pintamos com tinta spray quando os pés estavam flexionados em diversos movimentos característicos do futebol. Quando os pés voltavam à posição normal, as partes brancas da meia, que haviam ficado sem tinta, indicavam locais para ranhuras, onde a flexão é mais elevada. Esse exercício logo nos levou a visitar o Laboratório de Pesquisa em Esporte da Nike, onde conversamos com nossos cientistas sobre a melhor forma de fazer a chuteira se mexer junto com os pés, garantindo agilidade máxima”, conta Phil Woodman, designer de calçados da Nike.

Como atletas como Harry Kane, Cavani, Rooney, Neymar e Lewandowski aparecem nas imagens divulgadas pela empresa, podemos esperar que esses craques utilizem o novo modelo nos jogos finais da temporada 2014/15. E nada melhor para promover uma nova chuteira do que com diferentes ídolos as usando em jogos decisivos. Só não espere calçá-la e virar um deles.

[galeria_embeded]

Mostrar mais

Leo Escudeiro

Apaixonado pela estética em torno do futebol tanto quanto pelo esporte em si. Formado em jornalismo pela Cásper Líbero, com pós-graduação em futebol pela Universidade Trivela (alerta de piada, não temos curso). Respeita o passado do esporte, mas quer é saber do futuro (“interesse eterno pelo futebol moderno!”).

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo