O técnico José Mourinho chamou para si a responsabilidade por ter mantido o atacante Álvaro Morata, que marcou o gol da vitória do Real Madrid no fim de semana, contra o Levante. Criticado por não revelar jovens, o português disse que o atacante só estava no grupo pela intervenção dele.

“Fui que eu o trouxe para o elenco principal. Eu o promovi para o time principal durante três pré-temporadas consecutivamente”, afirmou o treinador. “Fui eu que insisti em dar a ele um contrato para o elenco principal e evitei que ele saísse”, declarou ainda Mourinho.

“Nós temos [Karim] Benzema e [Gonzalo] Higuaín e vocês me chamariam de louco se eu colocasse Morata à frente deles. As pessoas perguntam muito, mas nós estamos apenas fazendo o nosso trabalho aqui”, explicou Mourinho.

“Eu não sei se é oportunista, mas fui eu que coloquei Morata para jogar. Não fui eu que deixei [Juan] Mata e [Álvaro] Negredo saírem. Eu deizei Pedro León sair, mas é isso”, cutucou o treinador. Morata já marcou três gols nesta temporada.