A disputa pelo título na Premier League já acabou, na prática, com a vantagem do Manchester City em 15 pontos depois de 25 rodadas disputadas. O Manchester United tem uma boa pontuação em segundo lugar, mas a distância para o líder já faz o técnico José Mourinho admitir que o título não está mais em disputa. O que importa para o United é brigar para terminar na posição que está, em segundo lugar.

LEIA TAMBÉM: Wenger: “O enorme poder financeiro de alguns clubes está destruindo a competição”

“O jogo é importante porque precisamos de pontos para sermos os primeiros dos últimos. Nós temos que tentar terminar em segundo. Nós estamos nesta posição toda a temporada, nós fomos líderes por algumas semanas e então nós sempre ficamos em segundo”, disse o treinador do Manchester United. “Nós estamos melhores que na temporada passada em todos os aspectos, pontos, posição, número de gols marcados, sofridos, então temos que tentar ficar aqui”.

Quando perguntado como ele se sentia em relação à disputa do título estar terminada em fevereiro, o técnico fez elogios ao rival. “Me faz sentir que eles [Manchester City] estão indo tão bem que não irão deixar os outros chegarem perto. A luta está aberta pelo segundo, terceiro, quarto, quinto e sexto, mas está praticamente fechada para o primeiro”, disse Mourinho.

“Eu não posso dizer que nós, Tottenham ou Chelsea estão indo mal, porque os pontos que nós temos são bem razoáveis. Mas o Manchester City começou muito forte e continuou forte e conseguiu ganhar partidas que eles não mereciam – e eu dou crédito por isso – com aquele gol no último minuto, gol nos acréscimos”, analisou o treinador do Manchester United.

“Se você me disser que todos os seis [primeiros colocados] querem ser campeões e apenas um ganhará e os outros cinco irão fracassar, eu acho que é modo muito pragmático de olhar, porque você pode fazer um bom trabalho e não ganhar o título”, analisou o treinador.

Falando sobre jogadores machucados, Marouane Fellaini, Eric Bailly e Zlatan Ibrahimovic, o treinador disse que os jogadores não estão perto de voltar, mas acredita que os dois últimos ao menos devem estar disponíveis para os jogos da Champions League, contra o Sevilla, no dia 21 de fevereiro.

O Manchester United entra em campo neste sábado, às 13h (horário de Brasília), para enfrentar o Huddersfield Town. O jogo será transmitido pela ESPN Brasil. Confira mais jogos na Programação de TV da Trivela.