Álvaro Morata fez o seu primeiro gol pelo Atlético de Madrid neste fim de semana, depois de cinco jogos pelo novo clube. É um retorno às origens, já que ele jogou nas categorias de base do clube antes de ir para o Real Madrid. Na quarta-feira, em jogo contra a Juventus pela Champions League, ele entrou no segundo tempo e marcou um gol de cabeça, que foi anulado pelo VAR. Por isso, na sua comemoração pelo gol contra o Villarreal neste fim de semana, o centroavante, que veste a camisa 22 no Atlético, comemorou fazendo o gesto do VAR.

LEIA MAIS: Morata abriu sua contagem pelo Atlético de Madrid, que venceu o Villarreal

“Sim, fiz um jeito do VAR como piada e é uma pena que o meu gol tenha sido anulado. Sei que é muito difícil arbitrar, alguma vez me coloquei de árbitro com os colegas e é muito complicado, a comemoração foi uma piada”, admitiu o jogador.

A sua contratação foi bastante contestada por uma parte da torcida, mas seu gol foi bastante comemorado pela massa Colchonera. “Me alegra como as pessoas tem me tratado. Vou dar tudo por esta camisa, tenho que fazer caso o meu treinador e meus companheiros e estou muito contente por ser acolhido assim. Quero ganhar coisas com esta camiseta”, afirmou o atacante.

Um dos motivos paras se ter dúvidas sobre Morata no Atlético de Madrid é sobre o seu estilo de jogo. Considerado um jogador muito pouco participativo no Chelsea, havia dúvidas se ele se encaixaria em um time que joga com defesa forte e muita dedicação de todos os jogadores. Até aqui, o ex-atacante do Real Madrid tem mostrado que pode ser bastante útil ao técnico Diego Simeone.

“Há momentos que damos muitas voltas e eu precisava de um grupo como esse, um treinador e uma equipe que confiassem em mim e eu finalmente estou aqui. Acho que não custou me adaptar graças às facilidades que me deram”, afirmou o atacante.