Luka Modric não chegou com muita badalação ao Real Madrid. Foi a principal contratação do clube naquela temporada, mas em um mercado relativamente modesto do maior campeão europeu. Como o atual, aliás. Mas o ex-jogador do Tottenham tornou-se rapidamente um dos pilares do meio-campo na conquista de dois títulos da Champions League. O croata de 30 anos não está satisfeito e quer mais troféus. Por isso, não pensa em deixar o Real Madrid. Se tudo der certo, nunca pensará.

LEIA MAIS: O Real Madrid contou com a precisão de Kroos para superar o duelo difícil contra o Celta

“Pode haver clubes interessados em mim, mas só o Real Madrid me interessa. Minha missão é estar no Real Madrid até que o clube me queira e desejo encerrar minha carreira por aqui”, afirmou Modric, em entrevista ao jornal croata Sportske Novosti.

Modric pode ter dois títulos europeus, mas ainda não conquistou o Campeonato Espanhol e acha que o jejum do Real Madrid na liga nacional já está grande demais. “Todas as competições são muito importantes e sempre jogamos pensando no título. Mas o Campeonato Espanhol tem nos escapado nas últimas temporadas. Faz quatro anos que não conquistamos uma liga e, para um clube deste nível, é tempo demais. É hora de mudar”, disse.

Começou bem, com duas vitórias nas primeiras rodadas de La Liga. E isso sem grandes contratações. A única movimentação de peso foi o retorno de Álvaro Morata, da Juventus. “Concordo com o treinador (Zidane): a equipe tem muita qualidade e é difícil achar melhores jogadores para trazer. Além disso, voltaram Morata, Asensio e Coentrão, que vão nos ajudar muito nesta temporada”, encerrou Modric.