MLS

Uma pintura no 123° minuto de jogo também cortou as asas do NY Red Bulls nos playoffs da MLS

Jakob Glesnes mandou uma paulada de longe no último minuto antes dos pênaltis e classificou o Philadelphia Union

O sábado seria péssimo para os projetos de futebol da Red Bull. A derrota mais importante aconteceu na final da Copa Sul-Americana, na qual o Bragantino perdeu o título para o Athletico Paranaense. O Leipzig foi derrotado na Alemanha pelo Hoffenheim e, na Áustria, mesmo o líder disparado Salzburg só empatou com o modesto Admira. Por fim, na Major League Soccer, as esperanças de uma conquista do New York Red Bulls também se encerraram. Os Touros Vermelhos perderam um jogo dramático para o Philadelphia Union no segundo tempo da prorrogação. Um golaço determinou o placar de 1 a 0 já no último minuto dos acréscimos.

O NY Red Bulls era o azarão no duelo pela primeira fase dos mata-matas, após descolar a última vaga para os playoffs na Conferência Leste. Por isso, os Touros Vermelhos precisaram encarar o jogo único contra o Philadelphia Union fora de casa, no Subaru Park. Melhor em campo, o time da casa poderia ter liquidado a fatura no tempo normal, mas perdeu as principais chances. Já no início da prorrogação, foi a vez dos Red Bulls lamentarem, com dois contragolpes limpos desperdiçados.

O segundo tempo extra manteve o alto nível de tensão. O NY Red Bulls carimbou a trave, mas o Union seguia acumulando erros inacreditáveis na conclusão. Tudo para aumentar o drama até o terceiro minuto dos acréscimos, o último antes dos pênaltis. Na sequência de uma bola parada, a defesa dos Red Bulls afastou parcialmente e a sobra ficou com Jakob Glesnes. O norueguês matou no peito e mandou a pancada de longe, da intermediária. A bola pegou um efeito e encobriu o goleiro Carlos Miguel, morrendo nas redes.

O Philadelphia Union avança às semifinais da Conferência Leste. Seu adversário sairá do confronto entre Nashville e Orlando City. No outro jogo do sábado, pela Conferência Oeste, o Sporting Kansas City também fez valer o mando de campo e bateu o Vancouver Whitecaps por 3 a 1. Khiry Shelton, Nicolas Isimat-Mirin e Graham Zusi (este num petardo de longe) marcaram os gols do KC, enquanto Cristián Dájome fez para os canadenses. O oponente na próxima fase será Seattle Sounders ou Real Salt Lake.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo