Ante Rebic foi um dos reforços do Milan na última temporada. Uma troca com o Eintracht Frankfurt por André Silva. Não estava indo muito bem, sem gols pelos rossoneri em 2019. Com a virada do ano e a chegada de Zlatan Ibrahimovic, se tornou um dos jogadores que impulsionou a sequência positiva de resultados do time de Stefano Pioli. E obrigou o Milan a correr para garantir seus serviços em definitivo, o que foi anunciado, neste sábado.

Os valores do negócio não foram divulgados, mas recentemente o Frankfurt também anunciou a permanência de André Silva, o que indica algum tipo de troca. Rebic, 26 anos, assinou contrato com o Milan até 2025, depois de ter marcado 11 gols pela Serie A entre as rodadas 20 e 34.

“O treinador me deu confiança. Estou muito feliz de continuar no Milan”, disse Rebic, aos canais oficiais do clube. “Eu trabalhei duro e aproveitei as oportunidades. Eu mostrei que tenho qualidades para jogar neste time. Ano passado, eu marquei 12 gols, fui bem, mas espero ir ainda melhor”.

Rebic foi útil atuando em diversas posições do ataque. Foi parceiro de Ibrahimovic, atuou sozinho na frente, mas fez a maioria de suas partidas pelo lado esquerdo. Ainda deu três assistências na reta final da Serie A, após a paralisação.

O Milan tinha planos de contratar Ralf Rangnick, mas a boa sequência em 2020 o levou a apostar no trabalho de Pioli. Além de Rebic, confirmou Simon Kjaer, do Sevilla, Brahim Díaz, do Real Madrid, e a grande revelação italiana Sandro Tonali, do Brescia. Neste sábado, anunciou também o romeno Ciprian Tatarusanu como apoio a Donnarumma.

.