Miguel Angel Russo deixou o comando do Boca Juniors na noite desta quinta-feira. Em reunião com Pedro Pompilio, presidente do clube xeneize, o treinador entrou em comum acordo com o dirigente para sua saída.

Segundo a imprensa argentina, dois nomes despontam como favoritos para assumir o cargo: Jorge Ribolzi (assistente de Alfio Basile na seleção) e Gabriel Batistuta. O nome de Carlos Bianchi, com o qual o Boca conquistou diversos títulos, também foi levantado, mas ele não deve voltar a treinar logo.

 

Russo assumiu o comando do time xeneize há aproximadamente um ano. Ele assumiu o cargo no lugar de Ricardo La Volpe, que se demitiu após a perda do título do Apertura para o Estudiantes.

O técnico conduziu o Boca Juniors ao título da Libertadores, quando superou o Grêmio na decisão do torneio. No entanto, o desempenho discreto no Apertura deste ano (o time terminou em quarto, atrás de Lanús, Tigre e Banfield) e a perda do Mundial de Clubes da Fifa para o Milan contribuíram para sua queda.


Os comentários estão desativados.