O Meu Time de Botão é um podcast da Central 3, nossa parceira no podcast semanal da Trivela, que traz um convidado para falar sobre um time que marcou a sua vida. Todas as edições podem ser vistas aqui.

Por Leandro Iamin e Paulo Junior, da Central 3

A vitória do Paysandu na Bombonera, em 2003, causou espanto, e mesmo com a eliminação no jogo da volta, o feito do Papão em solo argentino diante do Boca Juniors ficou para a história. O que poucos lembram é que aquele jogo foi a ponta final de uma trajetória de quatro anos, reconhecida pela torcida bicolor como a melhor de sua centenária história.

É este o tema do Meu Time de Botão desta semana, com Leandro Iamin, Paulo Júnior e o apaixonado pelo Paysandu Pedro Loureiro, o Pedrox.

Givanildo assumiu o clube em abril de 2000. Começava ali a arrancada para o título estadual, repetido nos dois anos seguintes. Além do tri paraense, naquele período o Papão foi, também, campeão brasileiro da Série B e, em campanha histórica diante de sua torcida, faturou a Copa dos Campeões de 2000, passando por Palmeiras e Cruzeiro nas fases finais.

Na pauta tem estátua do rival com a camisa do clube, sequência de goleadas por 4 a 0 sobre o Remo, dois duelos marcantes contra o São Raimundo na final da Copa Norte e muitos ídolos, de Iarley a Lecheva, passando por Rogbol e Velber, Sandro Goiano, Gino e muito mais.


Os comentários estão desativados.