Parece que a boa vontade do técnico Roberto Mancini com o atacante Lukas Podolski acabou. O jogador, conhecido por sua atuação sempre marcante nas redes sociais, chegou à Internazionale em janeiro, emprestado pelo Arsenal, e tinha a esperança de conseguir recuperar o bom futebol. Nove jogos depois, ele ainda está devendo e a paciência do seu treinador parece ter acabado depois da má atuação na derrota por 1 a 0 para a Fiorentina, no domingo.

LEIA TAMBÉM: Nem lesão consegue interromper a ótima fase de Felipe Anderson na Lazio

“Podolski precisa fazer mais. O que ele está fazendo não é suficiente e ele é o primeiro a reconhecer isso”, disse Mancini. No domingo, o jogador foi substituído por Xherdan Shaqiri e acabou vaiado pela torcida. O treinador admitiu que quis descansar o suíço, mas que começar com ele no banco talvez tenha sido um erro. “Dado o modo como ele jogou quando entrou, então sim [foi um erro não começar com ele”, declarou o técnico à Sky Sports Italia.

“O Shaqiri foi bem e eu queria descansá-lo porque ele jogou na quinta, mas quando ele entrou mudou o jogo. Nós tivemos chances para empatar e se nós tivéssemos conseguido, acho que teríamos partido para a vitória”, analisou Mancini, após o jogo. A situação fica cada dia pior para os nerazzurri, que está a 10 pontos do Napoli, terceiro colocado e último classificado para a Champions League neste momento.

Podolski fez oito jogos pelo Campeonato Italiano e um pela Copa da Itália. Só em um deles o atacante alemão veio do banco de reservas, a estreia, contra a Juventus. Por outro lado, em cinco jogos o camisa 11 acabou substituído. Um sinal que seu desempenho está longe do ideal. Não marcou nenhum gol e só fez uma assistência, no jogo da Copa da Itália contra o Bologna.

Podolski tem 29 anos e sabe que precisa aproveitar essa chance se quiser, como ele mesmo declarou, se aposentar da seleção alemã depois da Eurocopa de 2016. Porque com o atual desempenho, ele sequer está merecendo estar na seleção campeã do mundo. Na Copa de 2014, mesmo fazendo parte do time campeão, ele mal entrou em campo. Foram só dois jogos, contra Portugal e depois contra os Estados Unidos, com um total de 54 minutos. Ele não entrou em nenhum jogo no mata-mata.

A torcida da Inter parece estar perdendo a paciência com o alemão também. Na sua conta no Instagram, o famoso carinho da torcida já aparece. Em uma foto publicada antes do jogo contra a Fiorentina, de um treinamento, um torcedor comentou: “Esse é o cara de 29 anos mais velho que já vi”. Será preciso começar a jogar melhor e, de preferência, marcar alguns gols para tirar essa má impressão.

Training ! Preparing for Firenze… #ForzaInter #Poldi

Uma foto publicada por @Podolski10 (@poldi_official) a