Se ainda faltava vexame ao Manchester United, não falta mais: o time de Ole Gunnar Solskjaer sofreu para vencer nos pênaltis o Rochdale, da terceira divisão, em sua estreia na Copa da Liga Inglesa, no Old Trafford. Após empate em 1 a 1 no tempo regulamentar, os Red Devils converteram todos seus pênaltis para avançar na competição nacional, nesta quarta-feira (25). Para tornar o placar ainda mais vergonhoso, o gol dos visitantes foi marcado por um garoto de apenas 16 anos.

Naturalmente, o time de Manchester dominou as ações da partida, acumulando 31 finalizações, embora apenas oito tenham ido a gol. Ainda assim, demorou para conseguir quebrar a barreira do Rochdale. A única verdadeira boa chance do primeiro tempo aconteceu aos 34 minutos, quando Greenwood acertou belo cruzamento para Pogba, sozinho, cabecear por cima do gol.

Aos sete minutos da segunda etapa, o Rochdale quase abriu o placar. Trabalhando a bola com uma qualidade que o time da casa não havia conseguido até então, a equipe da terceira divisão trocou passes precisos antes de deixar Callum Camps na frente do gol, com Romero já batido. O atacante esteve a centímetros de balançar a rede, mas Wan-Bissaka apareceu no último instante para salvar em cima da linha.

A espera foi longa, mas aos 23 minutos do segundo tempo, Greenwood, mais uma vez ele, deixou seu nome na ficha do jogo com um gol, depois de marcar contra o Astana, na semana passada, pela Liga Europa. Mostrando o faro artilheiro, bateu rasteiro, no canto esquerdo do goleiro Robert Sanchez, para balançar a rede.

A dificuldade do United no terço final foi consequência de ataques desorganizados, de um time sem identidade ofensiva e, é claro, majoritariamente reserva, com apenas Wan-Bissaka e Paul Pogba, este voltando de lesão, de titulares. No entanto, nada que possa diminuir o vexame vivido pelos comandados de Solskjaer para sair com a classificação.

A frustração ofensiva era grande, mas ela se estendeu para a outra parte do campo quando, aos 31 minutos do segundo tempo, o lateral direito Luke Matheson apareceu dentro da área para completar cruzamento da esquerda com um belo chute e fazer 1 a 1.

Luke Matheson, de apenas 16 anos, autor do gol do Rochdale

O empate no placar levou a partida aos pênaltis, Romero defendeu cobrança de Jimmy Keohane, e o United converteu todas as suas cinco, com Mata, Andreas Pereira, Fred, Greenwood e James. Classificação assegurada, mas com um enorme gosto de derrota.

Matheson, autor do gol do Rochdale, faz 17 anos apenas em outubro. Tem idade para ser estudante secundarista, mas a vida quis que, na noite desta quarta, ele estivesse no gramado do Old Trafford, enfrentando o Manchester United pela Copa da Liga Inglesa. Mais improvável que sua presença em campo era que o lateral fizesse um gol contra o maior vencedor da Premier League, mas o United tomou seu próprio rumo inesperado desde 2013.

A história individual do garoto e a coletiva de um clube gigante em queda brusca convergiram para um conto de fadas pela metade para o Rochdale – e humilhação quase completa para os comandados de Solskjaer.