O Manchester United foi derrotado pelo Lille por 1 a 0, na principal surpresa desta quarta-feira na Liga dos Campeões. O dia foi cheio de gols: foram ao todo 31, em oito partidas disputadas. Outros resultados importantes foram a goleada de 5 a 0 do Barcelona sobre o Panathinaikos e a vitória do Arsenal sobre o Sparta Praga, que garantiu a classificação dos Gunners para as oitavas-de-final.

Depois de sofrer uma goleada de 4 a 1 frente ao Middlesbrough no Campeonato Inglês, o Manchester United esperava se recuperar com uma vitória sobre o Lille. No entanto, a partida acabou servindo só para aumentar a crise interna da equipe. Mostrando um futebol opaco, os Red Devils acabaram derrotados por 1 a 0, apesar de terem dominado a maior parte do jogo. O único gol da partida foi marcado por Acimovic, aos 39 minutos do primeiro tempo.

A situação dos ingleses só não é pior porque na outra partida o Villarreal venceu o Benfica por 1 a 0 (gol do brasileiro Marcos Senna, aos 36 minutos do segundo tempo). Com isso, o grupo D fica embolado, com apenas dois pontos separando os espanhóis, líderes da chave, do lanterna português.

Nesta quarta-feira, o Arsenal juntou-se a Lyon e Real Madrid entre os classificados para as oitavas-de-final da Liga dos Campeões. Os Gunners venceram sem maiores problemas o Sparta Praga por 3 a 0, gols de Henry e Van Persie (dois). No outro jogo da chave, o Ajax precisou só venceu o Thun por 4 a 2 graças a dois gols marcados nos acréscimos, por Boukhari e De Jong.

O Barcelona foi o destaque do dia ao golear com estilo o Panathinaikos: 5 a 0. Logo no primeiro minuto, Van Bommel abriu o placar para os catalães, que se aproveitaram das falhas defensivas dos gregos para construírem com facilidade o elástico placar. Destaque para o camaronês Samuel Eto´o, autor de três gols – o terceiro deles uma pintura, aos 20 minutos do segundo tempo.

Os catalães só não garantiram antecipadamente a vaga porque o Werder Bremen venceu a Udinese por 4 a 3, em uma partida eletrizante. Os primeiros 50 minutos de jogo foram dominados pelos alemães, que abriram uma vantagem de três gols. Mas, num espaço de apenas seis minutos, o time de Údine chegou ao empate, com dois gols de Di Natale e um contra de Schulz. Aos 22 minutos, Micoud fez seu segundo gol, recolocando o Werder Bremen na liderança. As chances de reação dos italianos praticamente acabaram quando Pinzi foi expulso, aos 26.

No grupo A, a Juventus deu o troco no Bayern de Munique e devolveu a derrota por 2 a 1 sofrida na rodada passada. A Vecchia Signora abriu o placar aos 16 minutos do segundo tempo, com Trezeguet. Deisler empatou para os alemães cinco minutos mais tarde. Aos 40, Trezeguet voltou a marcar, garantindo a vitória juventina. Como o Club Brugge venceu o Rapid Viena por 3 a 2, nenhuma equipe assegurou a classificação – embora já se saiba que o time austríaco ficará com a lanterna.

Segue abaixo a lista dos resultados desta quarta-feira na Liga dos Campeões:

Grupo A
Club Brugge 3×2 Rapid Viena
Juventus 2×1 Bayern de Munique

Grupo B
Arsenal 3×0 Sparta Praga
Thun 2×4 Ajax

Grupo C
Barcelona 5×0 Panathinaikos
Werder Bremen 4×3 Udinese

Grupo D
Benfica 0x1 Villarreal
Lille 1×0 Manchester United