Com o apoio de 13 clubes profissionais da Inglaterra, a Federação de Torcedores de Futebol (FSF) lançou campanha para reintroduzir lugares em pé nos estádios do país. A entidade promove ação junto a membros do parlamento, tentando realizar alguns testes em jogos da Premier League – o Aston Villa é o único time da competição que se manifestou favorável à ideia.

“Muito mudou nos últimos 23 anos, desde que o Relatório Taylor foi produzido. A evolução foi grande em termos de tecnologia e conhecimento sobre segurança. Então, estamos pedindo por alguns testes em pequena escala”, declarou Peter Daykin, representante do FSF.

Os lugares em pé são banidos nos estádios da Inglaterra e da Escócia desde 1989. Elaborado após o desastre de Hillsborough, no qual morreram 96 torcedores do Liverpool, o Relatório Taylor alterou as medidas de segurança nas arquibancadas.

Membro do parlamento, Roger Godsiff solicitou ao governo a aprovação dos testes, em projeto apoiado por outros 50 parlamentares. Crystal Palace, Derby County, Hull City, Cardiff City, Peterborough United e AFC Wimbledon, além do Aston Villa, estão entre os clubes favoráveis às mudanças.

A Premier League já se posicionou de maneira contrária ante a solicitação, enquanto a organização do Campeonato Escocês está aberta à reestruturação. Curiosamente, o manifesto acontece no mesmo momento em que a Bundesliga estuda proibir os lugares em pé nos estádios alemães.