O técnico da seleção alemã, Joachin Löw, indicou nesta segunda-feira que poderá testar Miroslav Klose e Mario Gómez no ataque nos amistosos contra Ucrânia e Holanda, nos dias 11 e 15 de novembro.

“Queremos ganhar os jogos, mas acho que esse teste é muito importante. Planejo jogar no 4-4-2 em uma das partidas”, disse Löw, que normalmente escala a equipe no 4-2-3-1, com apenas um centroavante no time titular. Até a Copa do Mundo, Klose era o escolhido, mas Mario Gómez ganhou a posição pouco depois.

O comandante alemão também alertou que, apesar da sequência de vitórias da equipe, a euforia não tomou conta do grupo. “Os resultados vêm sendo muito positivos, mas eu sempre avisei que displicência e ilusões de grandeza não serão toleradas”, completou.