Eram quatro jogos sem vitória, em uma sequência que faltava futebol. O Bayern viveu até a patética situação de ter seus dirigentes falando um monte de bobagens em uma coletiva de imprensa que pegou mal. Neste sábado, os bávaros conseguiram uma vitória para voltar a respirar e quebrar essa série de resultados ruins. Jogando fora de casa, venceu o Wolfsburg por 3 a 1, com uma atuação decisiva de Robert Lewandowski, com dois gols e uma assistência.

LEIA TAMBÉM: Estudo: Real Madrid, Barcelona e Bayern são os times mais estáveis da Europa

No primeiro gol, aos 30 minutos, Hummels foi quem achou um passe rasteiro, Thiago abriu  as pernas e deixou passar nas costas da zaga para Lewandowski dominar e marcar. O segundo gol veio de um erro terrível do lateral Willian, que recuou mal de cabeça para o goleiro, Lewandowski interceptou, tirou do arqueiro e mandou para as redes, aos quatro minutos do segundo tempo.

O Bayern ficou com um a menos em uma falta cometida por Arjen Robben, aos 11 minutos do segundo tempo. Ele pegou forte, tomou o segundo cartão amarelo e acabou expulso. Aos 18 minutos, em uma bela troca de passes, Admir Mehmedi foi lançado na direita e cruzou para Wout Weghorst completar para o gol: 2 a 1.

A animação logo se transformou em tristeza quando Lewandowski recebeu no centro do ataque, aos 27 minutos, e fez uma jogada de pivô para James Rodríguez entrar livre pela direita e marcar 3 a 1.

Assim, o Bayern chega a 16 pontos, com oito jogos disputados. São cinco vitórias, um empate e duas derrotas. O Borussia Dortmund, que também venceu, se mantém na liderança com 20 pontos.