O Bayer Leverkusen foi murchando, pouco a pouco, com o decorrer das partidas desta quarta-feira pela Champions League, e, apesar de ter feito um primeiro tempo melhor que o da Juventus, acabou sendo derrotado, por 2 a 0, gols de Cristiano Ronaldo e Gonzalo Higuaín, quando já não tinha mais chances de se classificar às oitavas de final.

Compreensível. Os alemães precisavam vencer a Juventus, classificada e garantida em primeiro lugar, e a primeira decepção foi ver que Maurizio Sarri colocou em campo um time muito forte, com Cristiano Ronaldo, Higuaín e Pjanic. E à medida em que o Atlético de Madrid, de quem o Leverkusen precisava de um tropeço, foi garantido sua vitória contra o Lokomotiv Moscou, o time foi claramente perdendo o ímpeto.

O Bayer Leverkusen era quem precisava do resultado e foi quem tomou a iniciativa na etapa inicial. Teve boas chegadas nos primeiros dez minutos e acertou a trave, com Moussa Diaby. No outro lado, Higuaín rolou a bola para Ronaldo marcar, com o gol vazio, mas o português não conseguiu alcançar. A Juventus tinha muito espaço pelo lado direito, onde Cuadrado apareceu para um chute cruzado perigoso.

No entanto, o começo de etapa mais ou menos equilibrado foi se transformando em domínio dos donos da casa. Bellarabi exigiu boa defesa de Buffon, aos 21 minutos, e Alario chegou perto de cabeça, e Buffon abafou a tentativa de Havertz, dentro da área.

No intervalo, os jogadores devem ter descoberto que o Atlético vencia o Lokomotiv, por 1 a 0, gol de pênalti de João Félix. E logo no começo do segundo tempo, o zagueiro Felipe ampliou, e todos sabem que a forte defesa do time de Simeone tornaria uma reviravolta dos russos, que não jogavam por nada, muito improvável.

O ritmo dos donos da casa caiu no segundo tempo e, com ele, toda a partida. Em meio a esse marasmo, Dybala recebeu o lançamento pela esquerda e cruzou rasteiro para Cristiano Ronaldo apenas empurrar às redes, por volta dos 30 minutos. Nos acréscimos, Higuaín soltou a canhota da entrada da área e acertou o canto de Hradecky, definindo o placar.

E uma campanha quase perfeita da Juventus, com cinco vitórias e um empate, embora, no geral, o desempenho do time de Sarri ainda não seja excelente. O Leverkusen ficou com seis pontos, em terceiro lugar, e disputará a Liga Europa.

.

.

Classificações Sofascore Resultados

.