Leste Europeu

Pesadelo laranja para o Shakhtar

Há duas semanas, a vitória por 2 a 1 sobre o Basel, fora de casa, na estréia da Liga dos Campeões, deixou o clima mais tranqüilo no Shakhtar Donetsk. No entanto, o tropeço diante do Barcelona, nesta quarta-feira, nos minutos finais do jogo na Ucrânia, pode gerar uma crise no clube.

Se as coisas iam, até certo ponto, bem na LC, no Campeonato Ucraniano vão de mal a pior. A campanha do clube é ridícula e já compromete as pretensões do bicampeonato. Em nove rodadas, o Shakhtar somou míseros nove pontos, tendo vencido um único jogo, empatado seis e perdido dois. Hoje, a equipe está 13 pontos atrás dos líderes Metalurh Donetsk e Dynamo Kiev.

Ou seja, a surpreendente estréia na Liga dos Campeões tinha dado sobrevida a esse time e outro triunfo, que parecia certo até os 41 minutos do segundo tempo, desta vez contra o poderoso Barcelona, poderia selar uma reação do Shakhtar. Agora pode render exatamente o contrário.

O técnico Mircea Lucescu, no cargo desde 2004, teoricamente não está ameaçado. O romeno tem muita moral com a diretoria, principalmente com o proprietário do clube, Rinat Akhmetov. Mas se os resultados não aparecerem, certamente mudanças acontecerão, seja com o empréstimos de jogadores (nesse caso alguns clubes brasileiros podem até se aproveitar disso para trazer de volta algum dos compatriotas do elenco) ou com a chegada de reforços.

Por enquanto, Lucescu tem feito poucas alterações na escalação e mantém a base. Se excluirmos a vitória sobre o Basel, o Shakhtar não vence uma partida desde 3 de agosto, quando bateu o Illychivets por 3 a 0.

Na última temporada, quando montou um elenco milionário, o clube ucraniano falhou nos momentos decisivos da competição européia e acabou, tragicamente, eliminado na primeira fase. Contra o Barca, mais uma vez mostrou incapacidade de decidir, dar aquele passo a mais para deixar de ser um mero figurante na competição. Na próxima rodada, enfrentará o Sporting, em Portugal. Outra derrota deixará o time em péssimas condições (tanto na classificação como psicológicas).

Enquanto na Premier League ucraniana a tabela reserva cinco confrontos até 15 de novembro, quando Shakhtar e Dynamo se enfrentam. Até lá, é bom que o time tenha mudado de postura e deixado de perder pontos importantes e fáceis.

Seleção russa

Guus Hiddink anunciou nesta semana os convocados para defender a Rússia diante de Alemanha e Finlândia, pelas eliminatórias européias para a Copa do Mundo de 2010, em 11 e 15 de outubro, respectivamente.

Duas foram as novidades do treinador holandês, que gosta de chamar jovens revelações do futebol russo para compor a seleção principal. Alan Dzagoev, atacante de 18 anos do CSKA Moscou, e Alexander Prudnikov, avante de 19 anos do Spartak Moscou. Os dois têm sido destaques das suas equipes na Premier Liga, sendo que o jogador do Spartak fez parte da seleção sub-17 campeã européia em 2006.

Quem também voltou à equipe foi o excelente meia Denisov, do Zenit, que antes da Euro recusara a convocação. Já o goleiro do Rubin Kazan, sensação da temporada, Sergei Ryzhykov, mais uma vez teve seu trabalho recompensado e integra o grupo. Confira abaixo todos os convocados.

Goleiros: Igor Akinfeev (CSKA Moscou), Vyacheslav Malafeev (Zenit St Petersburg) e Sergei Ryzhykov (Rubin);

Defensores: Sergei Ignashevich, Alexei Berezutsky, Vasili Berezutsky (CSKA Moscou), Alexander Anyukov (Zenit St Petersburg) e Renat Yanbayev (Lokomotiv Moscou);

Meias: Yuri Zhirkov, Alan Dzagoev (CSKA Moscou), Dmitry Torbinsky, Diniyar Bilyaletdinov (Lokomotiv Moscou), Igor Denisov, Konstantin Zyryanov (Zenit St Petersburg), Igor Semshov (Dynamo Moscou), Sergei Semak (Rubin) e Vladimir Bystrov (Spartak Moscou);

Atacantes: Andrei Arshavin, Pavel Pogrebnyak (Zenit St Petersburg), Roman Pavlyuchenko (Tottenham/ING), Ivan Saenko e Alexander Prudnikov (Spartak Moscou).

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo