EuropaLeste Europeu

Em busca de um sonho

Na temporada 1995-1996, o Ferencváros representou a Hungria na fase de grupos da Liga dos Campeões pela última vez, ficando em terceiro lugar numa chave que tinha Ajax, Real Madrid e os suíços do Grasshoppers. Pois catorze anos depois, o Debrecen pode repetir o feito.

Na primeira partida dos playoffs da LC 2009-2010, os húngaros obtiveram um resultado histórico, ao derrotar os búlgaros do Levski Sofia, fora de casa, por 2-1. Laszlo Bodnar abriu o placar para o Debrecen aos doze minutos, mas na segunda etapa, Cédric Bardon empatou a partida. Finalmente, aos 31 minutos, Péter Czvitkovics anotou o segundo gol dos húngaros.

A partida de volta se disputa no próximo dia 25 de agosto.

Croácia: Hajduk contrata Edoardo Reja como novo treinador

Após um péssimo começo na Prva HNL 2009-2010 (apenas dois pontos em quatro partidas), o Hajduk Split demitiu seu segundo treinador na temporada: depois de Ante Mise, que durou apenas duas partidas, e Ivica Kalinic, que não resistiu à eliminação na Liga Europa pelas mãos do Zilina, o clube contratou o italiano Edoardo Reja como novo técnico.

Reja, 63 anos, dirigiu o Napoli de 2005 até março último, quando foi demitido pelo clube italiano após uma derrota para a Lazio. Ao comentar sua contratação pelos croatas, Reja declarou: “é um mundo inteiramente novo para mim. Após mais de trinta anos trabalhando na Itália, é uma honra vir para um grande clube como o Hajduk, e meu objetivo é levar o time ao que era, brigando sempre por títulos”. Entretanto, sobre a atual temporada, Reja foi ponderado: “Já estamos dez pontos atrás do Dinamo, e por mais que trabalhemos bem, não dá pra esperar milagres imediatamente”.

Enquanto o Hajduk tenta colocar a casa em ordem, o Dinamo lidera o campeonato com doze pontos, tendo vencido seus quatro jogos até agora e marcado incríveis 21 gols e sofrido apenas três. Os atuais tetracampeões golearam o Istra (7-1), o Medimurje (4-0), o Osijek (5-0) e o Croatia Sesvete (5-2). Pelo visto, o penta será questão de tempo.

Romênia: em três minutos, Timisoara vê o sonho da Liga dos Campeões mais distante

O Timisoara, vice-campeão romeno na última temporada, recebeu os alemães do Stuttgart na primeira partida dos playoffs da Liga dos Campeões, com a torcida lotando o estádio cheia de esperanças, mas em apenas três minutos, o Stuttgart esfriou as intenções dos romenos. Com um gol de pênalti de Timo Gebhart, aos 28, e outro de Allaksandr Hleb aos 30, os alemães fizeram 2-0 e estão com um pé na fase de grupos.

Já no campeonato romeno da atual temporada, o Brasov lidera, com oito pontos em quatro partidas, enquanto o CFR Cluj e o Timisoara vêm com um ponto e um jogo a menos.

Sérvia: Lekic é a esperança de gols do Estrela Vermelha

Cinco gols em duas partidas – ou seis, se colocarmos um gol contra na lista – garantiram em pouco tempo o status de esperança de gols do Estrela Vermelha ao atacante Dejan Lekic.

Aos 24 anos, Lekic chegou a Belgrado após anotar 26 gols na terceira divisão sérvia, jogando pelo Zemun. Nas três primeiras partidas pelo novo clube, passou em branco, mas na partida de volta da terceira fase da Liga Europa, contra o Dinamo Tblisi, desencantou. Primeiro, anotou um gol contra logo aos três minutos, mas redimiu-se com um hat-trick que ajudou o clube a obter uma classificação histórica, fazendo 5-2 na partida.

Na partida seguinte, anotou mais dois na abertura do campeonato sérvio, ajudando o Estrela Vermelha a fazer 3-0 no Jagodina. Só que chegou a hora dos playoffs da Liga Europa, contra o Slavia Praga. Na ida, os tchecos venceram por 3-0. Será que Lekic desencanta no jogo de volta e garante mais um milagre para os campeões europeus de 1991?

Bósnia: campeão inicia campeonato tropeçando

Após três rodadas do campeonato bósnio, o atual campeão, o Zrinjski, está apenas em 11º lugar, com dois pontos. O time começou o campeonato abalado pela eliminação na Liga dos Campeões diante do Slovan Bratislava, e ainda não se encontrou na liga. Foi uma derrota para o Zvijezda, um empate contra o Travnik e um novo empate, desta vez contra o Slavija.

Pouco se importando com o começo ruim do rival, o Borac venceu seus três jogos até o momento e lidera com nove pontos, enquanto o Velez Mostar está logo atrás, com sete.

Bulgária: surpresa na liderança

Com CSKA e Levski envolvidos em competições europeias, a surpresa do começo da temporada búlgara é o Chernomorets Burgas, sétimo colocado no campeonato passado. Com duas vitórias e um empate, o clube lidera o torneio até o momento, e ainda tem o brasileiro Michel como um dos artilheiros, com três gols.

Além de Michel, que jogou no Legião e no Ceilândia, há outro brasileiro no elenco do Chernomorets: o atacante Dudu, revelado pelo São Paulo. Os maiores destaques estão fora de campo: o diretor-geral do clube é o Fredi Bobic, ex-atacante de Stuttgart, Borussia Dortmund e seleção alemã, e o técnico é Krassimir Balakov, histórico meia da seleção búlgara nas Copas do Mundo de 1994 e 1998. Balakov está no cargo desde dezembro do ano passado.

República Tcheca: coadjuvantes comandam o campeonato

Nas primeiras rodadas da Gambrinus Liga, as habituais estrelas da companhia, Sparta e Slavia Praga, não dominam a tabela, especialmente por estarem envolvidos com as competições europeias. Após quatro rodadas, a liderança é dividida entre Mlada Boleslav, Brno e Jablonec, todos com dez pontos.

Já a artilharia é de um dos últimos colocados. Petr Svancara, do Slovacko, anotou quatro dos seis gols do time no torneio até agora.

Macedônia: Pelister surpreende no começo da liga

Décimo colocado no campeonato passado, o Pelister vem surpreendendo nas primeiras rodadas da liga da Macedônia, dividindo a liderança com o Rabotnicki, ambos com sete pontos em três partidas. Logo atrás vem o Renova, com seis. O atual campeão, o Makedonija, vem em sexto lugar, com quatro pontos.

Hungria: liderança dividida

Após quatro rodadas, dois clubes dividem e já se destacam na liderança da liga húngara: Fehervar e MTK, ambos com doze pontos e invictos. Com sete pontos, vem atrás empatado um comboio de clubes: Nyíregyháza Spartacus, Kaposvári Rákóczi, Gyori e Ujpest. O Debrecen, envolvido na Liga dos Campeões, tem seis pontos em três partidas e ocupa a sétima colocação. Já o tradicional Ferencváros está em décimo, com quatro pontos.

Na disputa pela artilharia, a liderança é dividida pelo japonês Kazuo Homma, do Nyíregyháza Spartacus, ao lado dos húngaros Laszlo Lencse, do MTK, e Krisztián Zahorecz, do Kaposvári, todos com quarto gols.

Polônia: Wisla lidera

A quarta rodada da Ekstraklasa 2009-2010 começou na sexta, 21 de agosto, com o Wisla Cracóvia vencendo o Akra Gdynia por 1-0, garantindo assim seu quarto triunfo consecutivo e a liderança isolada, com 12 pontos. Logo atrás vem o Ruch Chorzów, com nove pontos, também em quatro partidas.

Eslováquia: Equilíbrio na Superliga

Com a maioria dos clubes com seis partidas pela Superliga eslovaca, o Nitra lidera, com 14 pontos, tendo em sua cola Slovan Bratislava e Zilina, ambos com um ponto a menos e uma partida devedora. Com 12 pontos, na quarta posição, vem o Banská Bystrica.

Eslovênia: Rudar lidera

Após cinco das 36 rodadas da Prva Liga eslovena, o Rudar Velenje lidera com treze pontos, juntamente com o Koper, mas levando vantagem no saldo de gols. Logo atrás vem o Celje, com dez.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo