O título da Premier League já está definido, mas há muito em jogo nas rodadas finais. A briga contra o rebaixamento se acirrou ainda mais na rodada e o Bournemouth fez com que tudo ficasse ainda mais apertado. Depois de sair perdendo, e jogando muito pior que o Leicester, os Cherries conseguiram uma virada incrível na segunda etapa e golearam por 4 a 1, com uma grande participação do atacante Junior Stanislas e o técnico Eddie Howie sendo decisivo nas alterações.

O primeiro tempo foi totalmente do Leicester. Aos 23 minutos, em uma jogada pela esquerda, Kelechi Iheanacho tocou para o meio, o zagueiro Lloyd Kelly tentou tirar, mas a bola sobrou para Jamie Vardy chegar dividindo e colocando a bola na rede: 1 a 0. E o próprio Vardy chegou perto de marcar mais um gol, mas acabou travado pela zaga. A superioridade do Leicester era muito clara na partida.

Só que o placar era só de 1 a 0 e o segundo tempo mudou tudo. Primeiro porque o técnico Eddie Howie fez duas alterações que mudaram o jogo. Tirou Arnaut Danjuma e Dan Goslin e colocou em campo Junior Stanislas e Philip Billing. David Brooks foi para o centro do meio-campo, Stanislas virou ponta pela direita.

O jogo mudou. O Bournemouth passou a ser perigoso no ataque, colocar o Leicester contra as cordas e rondar o gol de Kasper Schmeichel. Depois de uma bola que Callum Wilson viu passar na sua frente e que não tinha goleiro, o time cresceu. O empate veio aos 21 minutos de jogo. Schmeichel foi chutar para frente, acertou as costas de Wilfred Ndidi, Wilson recuperou a bola e foi derrubado pelo goleiro do Leicester. Pênalti.

Stanislas cobrou com muita calma, no meio do gol, e empatou. A comemoração foi bastante discreta e o jogador pegou a bola e correu para o meio. O Bournemouth precisava vencer e o empate era pouco na luta contra o rebaixamento.

Pouco depois, em um minuto, o atacante Dominic Solanke recebeu pela esquerda com uma liberdade enorme, avançou para cima da zaga e chutou. O goleiro Schmeichel não conseguiu defender e a bola entrou lenta no gol. Depois que a bola entrou, o zagueiro Çaglar Söyüncü agrediu Callum Wilson e acabou expulso.

Com um a menos, perdendo o jogo, o Leicester se perdeu completamente. Aos 38 minutos, em uma jogada de Stanislas pela ponta direita, ele partiu para cima, balançou a marcação e chutou. A bola desviou em Jonny Evans e matou o goleiro: 3 a 1 para o Bournemouth. Um resultado que já era impressionante. Mas ficou melhor ainda. Aos 42 minutos, depois de uma cobrança de lateral, Christian Fuchs cometeu um erro primário, errou o passe para o meio e deu a bola no pé de Solanke, dentro da área. Ele dominou e tocou por baixo do goleiro para marcar: 4 a 1.

A vitória dá um pouco mais de vida ao Bournemouth em uma disputa que se acirrou no fim de semana. Com 31 pontos, o time está a três do Watford, outro que venceu, primeiro time fora da zona de descenso. O Aston Villa, mais um a ter ganhado na rodada, tem 30 pontos. O West Ham também tem 34 pontos, empatado com o Watford. O Norwich já está rebaixado, só com 21 pontos.

Quem comemorou o resultado foi o Chelsea. Com a derrota, o Leicester permanece com 59 pontos, atrás do Chelsea, que tem 60. Só que o Manchester United ainda joga nesta rodada e, como tem 58 pontos, pode passar os dois e assumir a terceira posição na tabela, o que tiraria o Leicester da zona de classificação à Champions. Uma disputa que também deve ser acirrada nestas últimas três rodadas.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore