Frank Lampard e Steven Gerrard enfrentam desafios totalmente novos em suas carreiras nesta temporada. Os companheiros de seleção inglesa também trabalharam juntos depois da aposentadoria nos gramados, ao se tornarem comentaristas da televisão britânica. No entanto, ambos largaram o microfone para assumir a prancheta. Enquanto a lenda do Liverpool dirige o Rangers no Campeonato Escocês, e já começou a ter suas primeiras experiências na Liga Europa, o mito do Chelsea começará sua principal missão neste final de semana, estreando pela Championship à frente do Derby County. E os dois companheiros seguem em contato para conversar sobre o novo momento.

“Nós estávamos trocando mensagens, discutindo a vida louca de ser treinador e como nós dois vemos isso. Somos pessoas muito parecidas, estamos curtindo cada minuto disso. É estranho, você não pode se desligar, porque quer fazer tudo muito bem – é como eu me sinto. Alguns dias eu não posso esquecer o trabalho, o que significa que você lida com isso a cada momento do dia. Steven fará o mesmo, porque sei quão competitivo ele é”, declarou Lampard, em entrevista coletiva.

Perguntado sobre o que levou ele e Gerrard ao novo posto, Lampard possui uma visão bem clara: “Porque você perde aquela coisa que te move. Ser comentarista é confortável, embora tenha pressão porque você quer fazer o melhor trabalho possível. Mas quando você tem sido competitivo por um longo tempo como jogador, sente falta dessa disputa no dia a dia. Eu não poderia me acomodar com essa vida fácil, quando havia uma oportunidade de voltar”.

Além disso, o veterano falou sobre as expectativas que o cercam neste novo momento: “Nós tivemos carreiras longas, que te dão uma certa posição privilegiada e eu não contesto isso, mas ao mesmo tempo trabalhamos muito duro para estar nesta posição em que recebemos as oportunidades. Eu não tenho ilusões. Sei que serei julgado pelos resultados e pelo estilo de jogo. Pediremos paciência, mas o resultado definirá os nossos trabalhos”.

A estreia de Lampard na Championship acontece já nesta sexta, na abertura da competição. O Derby County enfrenta o Reading, treinado por Paul Clement – que foi assistente no Chelsea e que ligou ao antigo comandado em maio, assim que soube sobre o seu novo posto de trabalho nos Rams.

“Eu não tenho dúvidas que Frank irá se dar bem, e não porque ele jogou em alto nível, mas porque, se você falar de futebol com ele e ver como era na TV, a forma como passa a mensagem é importante. Frank tem um conhecimento brilhante do jogo, algo que jogadores de alto nível não têm. Ele é capaz de transmitir essa informação muito bem. Não tenho dúvidas que terá sucesso – apenas espero que não seja na estreia da temporada”, brincou Clement.

Gerrard, por sua vez, faz a sua primeira partida pela liga nacional no domingo, quando o Rangers visita o Aberdeen. Na Liga Europa, os Teddy Bears avançaram as duas fases preliminares, longe da decepção que aconteceu na temporada passada. Após superarem os macedônios do Shkupi na etapa inicial, passaram pelos croatas do Osijek com duas vitórias, a última nesta quinta-feira, por 3 a 0.