Por enquanto, os jogadores alemães se colocam entre os mais solidários para apoiar o combate à pandemia e garantir a doação de suprimentos básicos à população mais necessitada. Nesta sexta, o exemplo veio de Joshua Kimmich e Leon Goretzka. A dupla do Bayern de Munique já tinha participado da doação coletiva encabeçada pelos convocáveis à seleção alemã, que garantiu €2,5 milhões à causa. Agora, os dois atletas lançam a campanha ‘We Kick Corona’, que vai apoiar diferentes instituições sociais. Começaram dando €1 milhão juntos e outros futebolistas logo passaram a colaborar, superando os €2 milhões.

“A Alemanha está parada. Por causa do coronavírus, concertos foram cancelados, os cinemas ficarão fechados, jogos de futebol são proibidos. Os playgrounds também são afetados pelas regras de proibição. A vida social é severamente restrita. Ao mesmo tempo, associações de caridade, instituições sociais, agentes de saúde e todas as organizações relevantes ao sistema que mantêm a cadeia de suprimentos estão fazendo um grande trabalho na Alemanha – acima de seus limites de capacidade pessoal e econômica”, declara a carta de apresentação do projeto.

“Como jogadores de futebol, temos uma vida saudável e privilegiada. Assim, nos sentimos obrigados a assumir a responsabilidade. Dar e ajudar um ao outro é a ordem do dia neste momento. Cada um de nós pode garantir que o coronavírus não se espalhe mais, mas somente juntos podemos fazer nossa parte para a sociedade se recuperar. Através do We Kick Corona, queremos ajudar e fazer uma contribuição para garantir que nossa sociedade seja tão diversa e forte como antes, mesmo depois da crise”, complementam.

Depois que Kimmich e Goretzka apresentaram a causa, bem como sua doação inicial, outros jogadores alemães anunciaram seu apoio. Entre eles, estão companheiros da dupla na Bundesliga e outros atletas com origem no país que atuam no exterior. A lista inclui Mats Hummels, Julian Brandt, Benedikt Höwedes, Jonas Hector, Leroy Sané, Julian Draxler, Julian Brandt, Sead Kolasinac, Max Meyer, entre outros.

“​Com o We Kick Corona, queremos fornecer ajuda concreta ao máximo de pessoas possível. É por isso que já estamos doando mais de €2 milhões a associações de caridade e instituições sociais em todas as áreas da sociedade. Desde a instalação de quadros negros, equipamentos médicos em hospitais, locais a pessoas sem-teto ou doações de sangue para serviços que precisam de ajuda imediata. Você pode solicitar ajuda à sua instituição social aqui. Por favor entenda que não apoiamos iniciativas privadas”, complementam. Há também um espaço aberto para doações feitas por qualquer cidadão.