A Corte da Justiça Federal Italiana aceitou o recurso do Pescara contra a punição recebida para a próxima temporada do Campeonato Italiano. Atuais campeões da Serie B, os Delfini são investigados pelo caso de manipulação de resultados descoberto no país nos últimos meses.

O Pescara tinha sido punido com a perda de dois pontos pelo Comitê Disciplinar Nacional, por ter seu nome relacionado com o escândalo. No entanto, o tribunal federal reverteu a pena, aplicando multa de 30 mil euros. Novara, Albinoleffe, Reggina e Monza também tiveram suas punições reduzidas, enquanto os recursos enviados por Siena, Spezia, Empoli, Sampdoria e Padova foram negados.

O caso de manipulação de resultados envolve clubes que disputaram a segunda divisão na temporada 2010/11. Entre os clubes que atualmente estão na Serie A, apenas a Atalanta segue punida desportivamente, iniciando a próxima edição com dois pontos negativos na tabela.