Itália

Pai de revelação cobra tratores que Juventus prometeu pela renovação do filho

Moise Kean tornou-se o primeiro jogador nascido neste milênio a disputar uma partida de Champions League, no último mês de novembro. Sim, sim, estamos todos velhos.  Menos o atacante italiano, que tem apenas 17 anos e está prestes a assinar contrato profissional com a Juventus. No entanto, o pai do garoto, o senhor Biorou, está irritado com o clube, que voltou atrás na promessa de lhe dar uma frota de tratores, e, como o moleque ainda é menor de idade, sua assinatura é necessária para o vínculo com a Velha Senhora.

LEIA MAIS: Vencendo a concorrência, Juve pode criar boas esperanças com a vinda de Schick

Kean sênior é da Costa do Marfim, onde ele possui campos de plantação de arroz e outros produtos, e havia requisitado produtos agrícolas à Juventus nas negociações para renovar o contrato do seu filho. Segundo o pai de Moise, o pedido foi feito quando a Juventus recorreu a ele para impedir que o garoto fosse levado por Mino Raiola para a Inglaterra.

“Eu sou agrônomo”, afirmou ao Tuttosport. “Trabalhei nos campos de arroz de Vercelli. Eu pedi que me fosse dado materiais agrícolas. ‘Não é problema’ foi a resposta. Mas, outro dia, diante das minhas queixas, o advogado da Juventus me comunicou que o contrato foi revogado, que o meu pedido estava fora do orçamento’. De acordo com Biorou Kean, a proposta da Juventus para Moise é de € 700 mil euros por ano.

Kean alertou que, se a Juventus não fechar contrato com o garoto em breve, pode perdê-lo sem compensações, e afirmou que Mino Raiola não representa os interesses do seu filho. “Ele diz que é o agente do meu filho, mas a verdade é que nunca assinamos nenhum acordo. Na verdade, se eu fosse escolher, escolheria outro agente”, disse, de acordo com a Sky Sports.

Até 2010, a Juventus era patrocinada pela New Holland, que fabrica maquinários agrícolas. Pena que a parceira já terminou, mas, como a empresa faz parte do grupo Fiat, que controla as ações da Velha Senhora, ainda dá para fazer algum negócio, caso o clube queira atender aos pedidos de Biorou.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo