Na preparação para o amistoso contra o Uruguai, que será realizado na terça, a seleção italiana treinou em um campo que pertencia à máfia, mas foi confiscado. A ação foi conduzida pela Libera, associação que coordena a luta contra a máfia na Itália.

O treino que aconteceu na cidade de Rizziconi, localizada na região da Calábria, atraiu cerca de 1000 espectadores.