A Bélgica retomou suas atividades após a campanha histórica na Copa do Mundo e já aplicou uma goleada. Tudo bem que a Escócia não representa um grande desafio há tempos, mas ainda assim os Diabos Vermelhos conseguiram passar facilmente pelos adversários. Dentro do Hampden Park, o time de Roberto Martínez venceu por 4 a 0, em atuação letal dos centroavantes, mas também boa participação de Eden Hazard. Além de servir uma assistência, o craque da equipe anotou um belo gol. Foi a maior derrota sofrida pelos escoceses em casa nos últimos 45 anos, desde os 5 a 0 aplicados pela Inglaterra em 1973.

Romelu Lukaku foi o primeiro a marcar. A partir de uma bobeira da Escócia na saída de bola, o centroavante recebeu livre para fuzilar, aos 27 minutos. Já a pintura de Hazard aconteceu logo nos primeiros instantes do segundo tempo. O capitão recebeu na esquerda, dominou com qualidade, deu uma finta de corpo no marcador e encheu o pé. Gol de quem sabe. Depois, Michy Batshuayi assumiria o protagonismo. O atacante saiu do banco e marcou os dois últimos gols, curiosamente também ocasionados em roubadas de bola no campo ofensivo.

A Bélgica volta a campo na próxima terça-feira, quando visita a Islândia em sua estreia na Liga das Nações. Já a Escócia inicia sua campanha no torneio na segunda, recebendo a Albânia, em duelo válido pela terceira divisão da nova competição da Uefa. Esta foi a quarta derrota do técnico Alex McLeish em cinco jogos à frente da Tartan Army.


Os comentários estão desativados.