A Inglaterra visitou Dublin para enfrentar a seleção irlandesa pela primeira vez em 20 anos. O último jogo do time na capital do país vizinho havia sido em 1995, quando uma enorme briga eclodiu nas arquibancadas do Lansdowne Road, com direito a arremesso de cadeiras, saudações nazistas e 20 feridos. O clima desta vez foi muito mais ameno, mas os torcedores ingleses não perderam a chance de provocar os rivais.

LEIA MAIS: Os mitos do França x Irlanda de 2009, e como a Fifa não precisava subornar irlandeses

Não houve muita emoção durante o empate sem gols entre os dois times, mas, nas arquibancadas, os visitantes lembraram os últimos desdobramentos do Fifagate: “Sepp Blatter, ele pagou pelo seu estádio”. Fazem referência à declaração do presidente da Federação Irlandesa de Futebol, John Delaney, que disse ter recebido dinheiro da Fifa para desistir do processo que queria instaurar por causa do toque de mão de Henry no gol de Gallas que ajudou a eliminar a Irlanda da Copa do Mundo de 2010.

A partida foi disputada no Estádio Aviva, construído no local do antigo Lansdowne Road, e inaugurado em maio de 2010, menos de um ano depois do fatídico França x Irlanda.

Ah, sim, também cantaram “Thierry Henry”