Inglaterra

Santa Maria: futebol viveu tragédia parecida em 1985

O dia 27 de janeiro ficará marcado por uma das maiores tragédias ocorridas no Brasil. Um incêndio em uma casa noturna de Santa Maria (RS) deixou 232 mortos e dezenas de feridos. O fogo teria começado por volta das 2h30, durante show pirotécnico dentro do local. A maior parte das mortes foi causada por asfixia, já que as portas de saída da boate teriam sido fechadas por seguranças durante o incêndio. Em respeito  às vítimas, a rodada do Campeonato Gaúcho foi suspensa.

Mesmo não atingindo tamanha proporção, o futebol já registrou tragédia parecida na Inglaterra. Em 1985, um incêndio no estádio Valley Parade matou 56 pessoas e deixou outras 265 feridas durante partida do Bradford City – que, coincidentemente, voltou às manchetes nesta semana por alcançar a decisão da Copa da Liga Inglesa. O jogo contra o Lincoln City  marcava a entrega do troféu da terceira divisão da Football League aos Hatters.

Construído em 1886, Valley Parade contava com arquibancadas de madeira, que serviram de combustível. Segundo as investigações, o fogo começou por conta de um cigarro, que incendiou o lixo acumulado debaixo dos assentos. Sob forte vento, as chamas se espalharam rapidamente, atingindo também as arquibancadas e o telhado do estádio.

O corpo de bombeiros foi acionado, mas a falta de extintores prejudicou uma ação imediata.  Em quatro minutos, diferentes setores do estádio estavam incendiados. Além disso, a fumaça gerada pelas chamas e pedaços fundidos de telhado que caíam aumentavam o pânico dos 11 mil torcedores presentes na ocasião.

Assim como em Santa Maria, a maioria das saídas do estádio estavam fechadas ou bloqueadas – apenas sete estavam abertas ou foram arrombadas. Já o campo também serviu para a fuga, onde a maioria dos espectadores conseguiu se salvar. Dos 56 mortos, 54 eram torcedores do Bradford City. Algumas vítimas foram esmagadas na tentativa de sair do estádio, enquanto outras foram queimadas ou asfixiadas.

A tragédia gerou uma nove legislação para melhorar a segurança nos estádios, impedindo a construção de arquibancadas de madeira em complexos esportivos britânicos. O Bradford City ainda hoje manda seus jogos em Valley Parade, reformulado e reaberto em dezembro de 1986, 582 dias após o desastre.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo