Inglaterra

Sanchez admite conciliar cargos no Fulham e na Irlanda do Norte

O técnico Lawrie Sanchez admite a possibilidade de conciliar os cargos no Fulham e na Irlanda do Norte, caso seja convidado a permanecer no clube inglês para a próxima temporada. Sanchez foi contratado para dirigir o Fulham nos cinco jogos restantes da atual temporada, após a demissão de Chris Coleman. O time luta contra o rebaixamento na Premier League.

A Irlanda do Norte, líder do grupo F das eliminatórias da Eurocopa-08, só volta a jogar em agosto, contra Liechtenstein. ´´Tenho um contrato curto no Fulham, até o fim da temporada no dia 13 de maio, então tenho muito tempo para pensar no próximo jogo da seleção´´, declarou Sanchez nesta sexta-feira.

´´Os jogadores da Irlanda do Norte sabem o que eu espero deles, e se eu permanecer no Fulham sei que é possível fazer os dois trabalhos. As pessoas da federação têm sido de primeira linha, e estão cientes das minhas ambições´´, comentou.

Antes de aceitar o convite do Fulham, Sanchez obteve a autorização de Jim Boyce, presidente da IFA, e do diretor executivo Howard Wells. ´´Eles deixaram claro que não ficariam no caminho se aparecesse uma grande oportunidade, desde que eu cumprisse meu contrato até o final, em novembro, quando terminam as eliminatórias´´, explicou o treinador.

´Temos uma grande chance de classificação para a fase final, e quero fazer parte disso. Os torcedores da Irlanda do Norte têm sido fantásticos, e estou consciente de que a Irlanda do Norte me ajudou a demonstrar meu valor no cenário mundial´´, lembrou.

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo