Copa da InglaterraInglaterra

Para aliviar calendário, federação inglesa acaba com replays nas quartas da FA Cup

Entre os motivos discutidos para o fracasso de clubes ingleses em competições europeias está o calendário. Com duas copas e uma tradição de jogos no final do ano, a Inglaterra é a única das grandes ligas que não para nunca, uma vez que a temporada começa. Ciente disso, a Federação Inglesa de Futebol está começando a colocar em prática algumas medidas para aliviar o excesso de partidas.

LEIA MAIS: Na experiência e na juventude, Manchester United bate o bravo Palace e leva a FA Cup

A entidade anunciou nesta quinta-feira que não haverá replays nas partidas de quartas de final da Copa da Inglaterra de 2017. Em caso de empate, portanto, não será realizado um segundo jogo. O desempate, segundo a FA, será na “morte súbita”. Não foi esclarecido exatamente como, mas tudo indica que será no gol de ouro.

Isso é apenas um dos passos que a federação dará para revisar a Copa da Inglaterra e também ajudar os principais times do país. “Esses planos fazem parte do compromisso da FA para ajudar a aliviar o congestionado calendário do futebol inglês”, afirmou a federação, em nota oficial.

O replay nas semifinais foi retirado da Copa da Inglaterra em 1999, quando o Manchester United conquistou a tríplice coroa. Até os anos noventa, havia um número indeterminado de partidas para resolver os empates, antes de descobrirem a prorrogação e os pênaltis. Times realizaram até seis confrontos para passar de fase.

O replay é uma tradição da Copa da Inglaterra, mas também uma questão econômica porque dá ao time sorteado para enfrentar um grande fora de casa a chance de recebê-lo em seus próprios domínios e lucrar com a bilheteria. Isso ainda pode acontecer nas primeiras fases da competição, que são exatamente aquelas em que mais frequentemente há clubes de divisões inferiores.

 

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Bloqueador detectado

A Trivela é um site independente e que precisa das receitas dos anúncios. Considere nos apoiar em https://apoia.se/trivela para ser um dos financiadores e considere desligar o seu bloqueador. Agradecemos a compreensão.