InglaterraPremier League

Liverpool lança medida por mais jovens e torcedores locais em Anfield, mas preços desagradam

Anfield passará por mudanças significativas para a próxima temporada. O Liverpool reinaugurará o setor principal das arquibancadas, aumentando a capacidade do estádio em 8,5 mil novos lugares. E a expansão afetará diretamente a política de ingressos do clube da Premier League. O que, neste momento, não agrada a todos. Por mais que os Reds tenham anunciado medidas interessantes sobre os valores e o público-alvo, os grupos de torcedores sentiram que suas demandas não foram atendidas. Sobretudo, porque a diretoria não ouviu os pedidos para que os preços não aumentassem.

Em seu anúncio oficial, o Liverpool destaca a manutenção ou a redução dos preços em 64% dos carnês de temporada, além da redução dos preços de 45% dos ingressos de jogo. O problema, no entanto, reside sobre os outros 36% e 55%. O Comitê de Torcedores do Liverpool, que durante os últimos 13 meses discutiu com os dirigentes a política de ingressos, afirma que não havia motivos para aumentar os valores. Um entrave grande, por mais que alguns dos pontos levantados durante os debates tenham sido adotados pelos Reds.

LEIA TAMBÉM: Ingressos na Premier League estão tão caros que os ingleses estão indo ver a Bundesliga

“O resultado é extremamente decepcionante e uma oportunidade perdida para o clube liderar um movimento para tornar os preços dos ingressos mais justos. Depois de meses de tempo e esforço, os donos do Liverpool escolheram aumentar o preço para muitos. Dentro do contexto, em que as receitas irão aumentar bastante no próximo ano com direitos de TV e acordos comerciais, subir os valores para ganhar ainda mais dinheiro a partir dos torcedores é algo desnecessário e totalmente injustificável”, afirmou o Comitê.

Para o grupo de torcedores, há uma inflação excessiva no preço dos ingressos, que acabou afastando muitos torcedores antigos do estádio. “Nossas propostas eram de que pelo menos 70% dos espectadores pagasse um preço acessível (£30 ou menos), que a categorização das partidas acabasse e que aumentassem o número de jovens torcedores nas arquibancadas. Infelizmente, a decisão dos donos é baseada puramente em questões econômicas sem compromisso. Eles tentaram enquadrar o debate de que os valores já são justos e que os aumentos manteriam isso. É um argumento insustentável daqueles que estão fazendo mais dinheiro do que antes à custa do torcedor. Haverá algumas novas iniciativas, mas as principais continuam sem solução”.

Entre as medidas positivas vistas pelo Comitê está a reserva de 20 mil ingressos na Premier League para torcedores locais, com preços a partir de £9. Além disso, 20 mil ingressos também estarão garantidos para jovens de 17 a 21 anos. E mil entradas gratuitas ao longo da temporada serão distribuídas entre estudantes, em parceria com as escolas para a cidade. Segundo o grupo de torcedores, ainda pouco diante das possibilidades o que os Reds tinham a seu alcance. Os preços de carnê de temporada variarão de £685 a £1029 (de £36 a £54 por jogo), enquanto os valores dos ingressos estarão entre £9 e £77.

VEJA TAMBÉM: Torcedores dos 20 times da Premier League farão protesto por preços altos dos ingressos

“Nós sempre consideramos cuidadosamente os preços para assegurar a sustentabilidade a longo prazo e a competitividade do clube, enquanto escutamos as opiniões de nossos torcedores. A resposta era clara sobre ter mais torcedores locais e jovens em Anfield, e estamos felizes em lançar essas novas medidas. O aumento na capacidade do estádio nos dá flexibilidade em congelar ou reduzir mais da metade das entradas”, afirmou Ian Ayre, executivo-chefe do Liverpool.

Em 2014/15, o Liverpool teve a oitava maior renda do mundo com suas bilheterias, superando os € 75 milhões – um valor € 18 milhões maior que o Manchester City, nono da lista, mas inferior a Arsenal (€ 132 milhões), Manchester United (€ 114 milhões) e Chelsea (€ 93,1 milhões). Além disso, o montante faturado com as entradas representa 19% do total das receitas do Liverpool em 2015.

A discussão sobre o tema não deverá se encerrar apenas com o anúncio dos novos valores de ingresso. A diretoria do Liverpool possui sua parcela de razão, especialmente quando demonstra abertura a negociar as demandas dos torcedores. Entretanto, não dá para dizer que o Comitê está errado quando pede que os valores dos ingressos sejam reduzidos. Os preços tiveram aumentos muito acima da inflação durante as duas últimas décadas, enquanto o dinheiro angariado com bilheterias perdeu peso dentro das receitas gerais neste intervalo, com os acréscimos nos acordos comerciais e de direitos de transmissão. Óbvio, o clube possui um compromisso em manter suas contas sustentáveis e um time competitivo. Só que, na visão dos torcedores, a consequência desse processo está sendo o lucro da empresa, e não necessariamente o fortalecimento do clube, também com suas relações que não podem ser medidas apenas financeiramente.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo